Ultimato do Bacon

As Melhores HQs Joe Kubert

Em 26 de Jun de 2023 8 minutos de leitura

O polônes Joe Kubert é um dos maiores mestres das HQs. O autor nasceu em 1926 e nos deixou em 2012 aos 85 anos. Além de exímio desenhista e criador, ele ainda foi o fundador da famosa Joe Kubert School of Cartoon and Graphic Art – uma escola com sede em Dover, Nova Jersey (EUA). Os dois filhos do autor, Andy Kubert e Adam Kubert, também são quadrinistas de sucesso!

Nossa lista de Melhores HQs Joe Kubert visa trazer grandes obras do autor publicadas no Brasil que mostram toda a sua versatilidade e talento. Nossa seleção se baseia no gosto do time de redatores do UB e se sua revista favorita não estiver aqui não fique chateado, comente e fale mais sobre sua opinião em nossas redes sociais. E vale lembrar que nossa lista não possui ordenação, são todas HQ ‘s que gostamos bastante.

Vamos lá?

Índice

Lista de Melhores HQs Joe Kubert

Sargento Rock a Profecia

Joe Kubert retorna ao personagem que co-criou ao lado de Robert Kanigher nessa excelente HQ de 2006

Em 2006 Joe Kubert retornou ao Sargento Rock, personagem que ajudou a criar em 1959 na lendária Our Army at War #83, para uma história escrita e roteirizada por ele. A trama, originalmente uma minissérie em 06 edições, mostra Rock e a Companhia da Moleza se dirigindo para a Lituânia em um lugar chamado Vilnius para realizar uma missão. O território está no meio de uma disputa entre o exército alemão e o exército soviético e eles estão bem no meio do fogo cruzado!

A missão consiste em resgatar um “item” importante e valioso que pode colocar fim à guerra! Eles rapidamente descobrem que o “item” é na verdade um jovem que – segundo uma profecia local – teria o poder para encurtar o conflito. A trama se complica quando a Companhia da Moleza começa a avançar em um território hostil onde precisa lidar com os inimigos que os rodeiam e as manias e jeitos de um jovem profeta. O pensamento que passa pela cabeça de todos os soldados é: seria essa uma missão inútil ou o jovem garoto realmente possui poderes sobrenaturais?

Uma história que mistura questões filosóficas com um conflito sangrento que vai obrigar Rock e a Moleza a fazerem escolhas difíceis.

Quer saber mais? Confira nossa matéria Sargento Rock A Profecia de Joe Kubert – O Ultimato

A Origem do Ás Inimigo de Joe Kubert e Robert Kanigher

Ás Inimigo é um dos personagens de guerra mais interessantes de Joe Kubert!

A lista de Melhores HQs de Joe Kubert não ficaria completa sem a presença de histórias do barão Von Hammer – o herói alemão da 1ª Guerra Mundial que ganha os holofotes na HQ Ás Inimigo. Muita coisa chama atenção nestas histórias do personagem que foi criado em 1965 por Kubert e Kanigher. Apesar de o personagem ter muitas histórias boas e marcantes, considero a publicada em Star Spangled War Stories #138 (1968) como uma das mais interessantes.

A obra de 68 conta a origem do barão Von Hammer e mostra que o personagem foi treinado desde criança pelo pai para ser um exímio combatente em diversas modalidades diferentes. Os eventuais confrontos corpo a corpo que se apresentam nas histórias do Ás Inimigo sempre mostram esse lado do personagem.

Um alemão herói de guerra como protagonista em HQs americanas é no mínimo inusitado, certo? Se você embarcar nessa leitura, prepare-se para histórias filosóficas e profundas onde o barão mostra sua habilidade mas também questiona seu lugar nesses horrendos conflitos.

A obra foi publicada pela última vez no Brasil na edição de 2005 da editora Opera Graphica que reúne 11 histórias do aviador. Saiba mais na nossa matéria Conheça O Ás Inimigo de Joe Kubert e Robert Kanigher e confira o que foi a continuação dessa história criada por Garth Ennis no review de Ás Inimigo Inferno no Céu.

Tarzan

As Melhores HQs Joe Kubert (5)

Tarzan vive aventuras marcantes no belo traço de Joe Kubert

Em 1972 Joe Kubert, um fã confesso de Tarzan (criação de Edgar Rice Burroughs), viu sua chance de adaptar o personagem surgir após a DC Comics obter o licenciamento do herói. O autor permaneceu à frente do personagem nas edições #207 até a #258 entre 1972 e 1977.

A fase de Kubert comandando o Tarzan traz diversas tramas, curtas em sua maioria, que colocam o personagem enfrentando antagonistas em diversos cenários diferentes: temos confrontos em grandes cidades européias, em navios no alto mar, em grandes desertos, em cenários pré-históricos e – é claro! – na selva que é o habitat mais tradicional do personagem. A trama em 4 partes que conta a origem do Tarzan é particularmente boa!

Essa diversidade de narrativa é primordial para manter a leitura interessante e parece que Kubert sabia bem disso! O ritmo das histórias, que envelheceram bem em sua esmagadora maioria, é sempre frenético e o que vemos é um Tarzan que está constantemente em movimento e envolvido em situações de muita ação – poucas são as tramas mais reflexivas que aparecem nessa fase. Na nossa visão, é a melhor adaptação do personagem para as HQs!

A coleção Tarzan de Joe Kubert da Devir possui 3 edições e traz as histórias feitas pelo autor desde a estreia até o número 235 – totalmente em cores. Saiba mais no review Tarzan de Joe Kubert – O Ultimato

Dong Xoai, Vietnã 1965

As Melhores HQs Joe Kubert (6)

HQs de guerra são recorrentes na lista de Melhores HQs de Joe Kubert

É inegável que Joe Kubert dominava como ninguém as HQs de Guerra. Dong Xoai, Vietnã 1965 é mais uma das excelentes obras do autor que provam isso. Diferente da maioria das outras HQs de Guerra da lista, aqui vemos Kubert contar uma história mais realista e “pé no chão” que foca na visão dos soldados. Apesar de fictícia, a HQ narra muitos fatos históricos e Kubert inova ao apresentar uma proposta diferente onde as páginas – em muitos momentos – parecem esboços que ainda não foram finalizados.

Me lembrou muito – no quesito de arte – o que Eisner fez na incrível graphic novel Último Dia no Vietnã. A diferença é que Kubert faz questão de dividir bem o tempo entre ação e outras questões importantes como relacionamento entre soldados e vietnamitas, cultura local e até problemas sanitários. Já Eisner estava mais preocupado em relatar situações do dia a dia dos soldados em pequenos contos.

A história acompanha a chegada de doze homens da seleção de forças especiais. Esses homens têm a missão de serem conselheiros dos vietnamitas durante a guerra contra os vietcongues. A primeira etapa da HQ mostra a interação desses homens com a cultura e os problemas locais. Já na segunda etapa, após a chegada em Dong Xoai, vemos os soldados tendo que lidar com ameaças mais físicas e Kubert retrata tudo de forma visceral, direta e brutal – prepare-se para sentir a tensão dos soldados e acompanhá-los em perigos mortais. É clichê, mas podemos dizer que ninguém está a salvo.

Originalmente lançada em 2010 pela DC Comics, a HQ chegou ao Brasil em 2012. Conheça tudo sobre a obra na matéria Dong Xoai, Vietnã 1965 de Joe Kubert – O Ultimato.

Abraham Stone

As Melhores HQs Joe Kubert (7)

A magnética história de vingança que se passa no velho oeste não poderia ficar de fora da lista de Melhores HQs de Joe Kubert

A trilogia Abraham Stone de Joe Kubert foi originalmente publicada em 1991 mas só chegou ao Brasil em capa dura e na íntegra em 2022 pelas mãos da Editora Tundra. Por mais que tenhamos uma primeira história tradicional (um homem em busca de vingança), podemos dizer que a versatilidade dos roteiros ao lado da excepcional arte do autor tiram a obra do lugar comum e a tornam uma ótima opção de leitura!

O protagonista, forte mas imperfeito, faz de tudo: busca vingança (no melhor estilo faroeste), se envolve com a indústria cinematográfica americana (no começo do século XX) e ainda vê de perto a revolução mexicana de Pancho Villa (em um encontro nada amigável). Bravura, apego aos valores e boas surpresas para o leitor são as únicas constantes das aventuras de Stone!

Quer saber mais? Confira nossa matéria Abraham Stone de Joe Kubert – O Ultimato

Sargento Rock Entre a Morte e o Inferno de Brian Azzarello e Joe Kubert

As Melhores HQs Joe Kubert (8)

Mais uma ótima história do Sargento Rock chega na nossa lista de Melhores HQs de Joe Kubert

Em 2003 Kubert teve mais um icônico encontro com Sargento Rock. Ao lado de Brian Azzarello, o autor trouxe uma história cheia de ação que mostra nosso protagonista buscando culpados por crimes no meio da guerra. O pior é que o culpado pode ser alguém da Companhia da Moleza.

Na HQ vemos a Companhia da Moleza envolvida com a 2ª Guerra e com problemas para avançar e empurrar as linhas inimigas. Após receber, a contragosto, novos recrutas, Rock se depara com uma guarita militar alemã que tem 4 oficiais da SS. Após um breve combate a unidade consegue aprisionar os 4 oficiais inimigos e é no caminho de volta que a história começa de verdade.

Retornando com os prisioneiros para o quartel, a Companhia da Moleza é surpreendida por uma unidade alemã e no meio da confusão os quatro oficiais fogem. Após o confronto, três dos quatro oficiais são encontrados mortos – assassinados.

Disposto a encontrar o fugitivo, e querendo saber qual dos seus homens cometeu um crime de guerra, Rock começa uma perseguição que deixa todos os seus companheiros de unidade pensativos e desconfiados. Uma trama que fala sobre vingança e desconfiança enquanto levanta o questionamento: é válido falar de crimes no meio de uma guerra?

A HQ foi lançada no Brasil em 2005 pela Opera Graphica e você pode saber mais na matéria Sargento Rock Entre a Morte e o Inferno de Brian Azzarello e Joe Kubert – O Ultimato

1.000.000 de Anos Atrás de Joe Kubert e Norman Maurer

As Melhores HQs Joe Kubert (9)

A revista que trouxe o icônico Tor é uma ótima opção para ver a versatilidade do autor!

Consideramos a HQ 1.000.000 de Anos Atrás lançada em 1953 por Kubert com Maurer como sendo uma das grandes leituras para percebermos como o lendário quadrinista era versátil. A HQ trazia 3 séries:

Tor é o personagem mais famoso criado na revista e chegou a ter outras séries. Suas aventuras eram cheias de ação e mostravam esse “homem das cavernas” tendo que sobreviver sozinho em um mundo dominado por dinossauros.

Já “Feiticeiro de Ugghh!” trazia as aventuras de um trapalhão e mal intencionado feiticeiro que vive à base de pequenos trambiques. Com uma vibe meio “Flintstones”, as histórias divertem e trazem uma faceta humorística de Kubert que o leitor não está tão acostumado a ver. Minha leitura favorita do título. 

Danny Dreams é uma trama de ficção científica que mostra as desventuras de um garoto que dorme em sala de aula e é transportado para a pré-história. É uma série divertida que questiona o leitor: estaria o garoto se transportando no tempo ou é tudo fruto de uma fértil imaginação? 

A série original teve 06 números e eles estão chegando ao Brasil pelas mãos da editora Monumental. Conheça mais na matéria 1.000.000 de Anos Atrás de Joe Kubert e Norman Maurer – O Ultimato

Fax de Sarajevo

O cerco a cidade de Saravejo ocorrido em 1992 é o tema dessa premiada HQ de Joe Kubert

Joe Kubert tem muitas histórias de guerra marcantes mas poucas são tão brutais e mostram tanto o sofrimento causado pela guerra como a premiada Fax de Saravejo. A obra, publicada originalmente em 1996, rendeu ao renomado autor os prêmios Eisner, Harvey e do Festival Internacional de Angoulême.

Toda a narrativa de Kubert é baseada no cerco à cidade de Sarajevo que ocorreu em 1992 e é o mais longo da história das guerras modernas. Seu resultado é a morte de mais de 12 mil bósnios. Rustemagić, nosso protagonista, busca a sobrevivência em abrigos espalhados pela cidade. A questão é que Rustemagić é real e passou dois anos e meio se comunicando com seus amigos no mundo exterior através de uma máquina de fax. Uma das pessoas com quem ele falava era justamente Joe Kubert – que decidiu transformar todo esse horrendo relato em uma emocionante e inesquecível HQ.

Já falamos sobre a versatilidade de Kubert e como ele domina de maneira impressionante os temas relacionados à guerra. Apesar de termos muitas outras HQs marcantes na lista, é seguro dizer que essa parece um degrau acima. A obra chegou ao Brasil em 2016 pelas mãos da editora Via Leitura+

EXTRA: Tex O Cavaleiro Solitário de Claudio Nizzi e Joe Kubert

Joe Kubert foi convidado por Sergio Bonelli para fazer uma edição de Tex Gigante

Em 2001 os leitores do mundo todo viam o lendário Joe Kubert se embrenhar no faroeste de Tex para criar uma das histórias mais impressas e vendidas de todos os tempos do Ranger italiano. Nizzi criou o roteiro especialmente para Kubert e o próprio Sergio Bonelli, admirador do trabalho de Kubert, dizia que esse era um Tex mais decidido, duro e violento.

Sem a companhia habitual de seus pards, a aventura de Nizzi tem um estilo mais enxuto e cinematográfico. Na trama, vemos Tex buscar vingança por conta de uma família de colonos que foi exterminada. Uma caçada humana cheia de ação e reviravoltas que só termina quando Tex ou todos os renegados estiverem mortos. 

A trama de Claudio Nizzi e Joe Kubert já foi publicada diversas vezes no Brasil: a primeira em 2002 em “Tex Gigante” #9, a segunda em “Tex Gold” #2 (2017) e terceira em “Tex Especial 50 Anos” (2021). E certamente virão mais por aí!

Joe Kubert tem um legado extenso que vai muito além das HQs que citamos aqui. Personagens como Gavião Negro, Batman e Justiceiros são alguns exemplos adicionais do quanto o autor foi versátil e inigualável no seu trabalho. As 9 obras supracitadas presentes na lista de Melhores HQs de Joe Kubert são relativamente fáceis de serem encontradas e servem como um pontapé inicial para os que querem conhecer ou recordar o inesquecível trabalho do quadrinista!

Quer conhecer nossas listas de melhores obras de outros grandes nomes? Confira:

Melhores HQs de Will Eisner

Melhores HQs de Grant Morrison

Melhores HQs de Frank Miller

Melhores HQs de Darwyn Cooke

Melhores HQs de Mark Waid

Melhores HQs de John Byrne


Créditos:
Texto: Lucas Souza
Imagens: Reprodução
Edição: Diego Brisse
Compre pelo nosso link da Amazon e ajude o UB!


Quer debater Quadrinhos, Livros e muito mais?

Conheça nosso grupo no WhatsApp!

Quero participar

Notícias relacionadas

Como conservar HQs e Revistas – Costelinha 009

21 de Out de 2019

Nós usamos cookies para garantir que sua experiência em nosso site seja a melhor possível. Ao navegar em nosso site você concorda com a nossa política de privacidade.

OKPolítica de privacidade