Divertida Mente é o típico filme da Pixar: deslumbrante, divertido, multicamadas e uma aposta certeira de entretenimento para toda a família

 

Com traços fofos, belamente colorido, piadas rápidas e animação de ponta, a dica dessa semana mascara uma densa história sobre inteligência emocional

por Alexandre Baptista

 

Os longas da Pixar são geniais. Sou fã do estúdio desde antes de ser adquirido pela Disney. E não é somente pela animação de ponta, as conquistas tecnológicas na renderização de imagens ou os feitos incríveis numa área que foi constante e profundamente renovada desde o surgimento da empresa.

Pelo contrário, o que mais surpreende nas histórias da Pixar é a capacidade de realizar um filme completo, com um roteiro convincente e doses planejadas de ação, drama, tensão e comédia e, ainda por cima, ser atraente para os pequenos espectadores na mesma medida em que é atraente para os adultos em geral.

Divertida Mente (Inside Out, 2015) é mais um desses exemplares que, sob a historinha bonitinha que retrata versões antropomorfas das emoções de uma garota pré-adolescente que perde a alegria de viver depois de se mudar para uma nova cidade e se sentir hostilizada ali, explora de maneira elegante, sutil e bela as dicotomias da inteligência emocional e dos relacionamentos humanos, seja no âmbito individual, familiar ou social.

O longa está recheado de situações subjetivas que, para o espectador desatento ou não interessado na discussão mais profunda da animação, passam batido. E essa é uma das grandes qualidades do mesmo – a liberdade de simplesmente assistir um “desenho animado” sem se preocupar com grandes questões.

Mas sim, as camadas mais reflexivas estão lá, seja na forma como Alegria (Joy) tenta excluir a Tristeza das atividades, deixando-a ainda mais triste e descontrolada; seja na relação de Riley com seus sonhos e lembranças do passado (especialmente os laços familiares); seja ainda na relação entre os pais de Riley e a forma como tentam ajudar a garota em sua adaptação na nova cidade.

Aliado a um roteiro espetacular, que inclui inclusive o amigo imaginário Bing Bong – que metáfora maravilhosa com muitos aspectos da infância que vão ficando em segundo plano até serem esquecidos – está uma animação de altíssima qualidade, que prende a atenção pela beleza dos cenários, movimentos e cores escolhidas.

Se você não conferiu a animação nos cinemas em 2015, ela está na Netflix desde 01 de setembro de 2018 e é uma recomendação para absolutamente todas as idades.

Assim como as emoções, Divertida Mente é uma animação muito mais complexa do que parece a princípio. Ganharia entre 3 e 4 bacons facilmente!

 

Divertida Mente está disponível na Netflix!

 

 

Confira nossas outras dicas de Streaming:

Dicas de Streaming: Justiça Jovem

Dicas de Streaming: Ducktales – Os Caçadores de Aventuras: Woo-oo!

Dicas de Streaming: Rick and Morty

Dicas de Streaming: Inuyashiki: O Último Herói

Dicas de Streaming: Street Fighter II: Victory

Dicas de Streaming: Sherlock

Dicas de Streaming: Lucifer

Dicas de Streaming: Big Mouth

Dicas de Streaming: Jovens Titãs em Ação!

Dicas de Streaming: Pokemón, o Filme – Eu Escolho Você!

Dicas de Streaming: Brooklyn Nine-Nine

Dicas de Streaming: Deuses Americanos

 

 


Acessem nossas redes sociais e nosso link de compras da amazon

Whatsapp

Instagram

Facebook

Amazon

 

Comentários