Deuses Americanos é considerado por muitos o melhor livro de Neil Gaiman (há controvérsias…) e já faz algum tempo que se fala em adaptar o livro para cinema ou TV. A escolha de fazer uma série ao invés de um filme não poderia ter sido mais acertada, por ter mais tempo de tela e menos problemas com censura, a série pode ser extremamente fiel à essência do livro, sendo explícito na medida certa para o desenvolvimento da história. Confesso que nos primeiros episódios a violência extrapolada me incomodou, mas ela faz sentido à proposta da série.

As obras de Neil Gaiman são bem complicadas de adaptar para TV ou cinema! Gaiman tem um estilo narrativo único, sem amarras criativas a escrita flui para aonde deve ir sem se preocupar, fazendo o leitor se esforçar e acompanhar a imaginação dele sem questionar o que faz sentido ou não. Eu sempre digo que tentar explicar algo do Gaiman é perda de tempo, você deve simplesmente aceitar e deixar a leitura seguir seu fluxo natural.

Conheça mais sobre Deuses Americanos

Deuses Americanos (Prime Video) - Dicas de Streaming 1

Peter Stormare interpreta Czernobog, um dos personagens mais interessantes da série

 

Na trama da série Shadow Moon desorientado após a morte da esposa, vira guarda-costas de Mr. Wednesday. Ele acaba em um mundo oculto, onde a magia é real e os Deuses Antigos temem sua irrelevância e o poder crescente dos Novos Deuses. Neil Gaiman é produtor executivo da série e cuidou diretamente da adaptação, a influência do autor é tão forte que segundo “fofocas” influenciou na demissão dos showrunners da série. Graças à presença de Gaiman, a série não fica tentando se explicar a cada cinco minutos, pelo contrário, é comum você acreditar que não está entendendo nada e ao mesmo tempo misteriosamente estar entendendo tudo sem precisar da ajuda do tio Nolan. Essa é a magia de Neil Gaiman!

Por ter o autor ali tão próximo, orquestrando tudo como ele imaginava é de se esperar que a série seja extremamente fiel ao livro, sendo apenas uma versão televisionada do mesmo, correto? Não é assim! E isso é perfeito! A série começa adaptando de uma forma muito fiel os primeiros capítulos do livro, é gratificante ver as cenas exatamente como descritas nas páginas, mas a série começa a seguir um caminho próprio. Muitas mudanças foram propostas pelo próprio Gaiman, por isso a série se mantém extremamente fiel à essência do livro, se mantendo um road movie de fantasia mitológica (!?!?) na falta de uma categoria mais precisa. Outro acerto preciso foi a quantidade de episódios, oito foram suficientes para fechar um arco sem perder o foco com imbecilidades conforme acontece com outras séries.

Deuses Americanos é uma série perfeita em sua proposta de adaptar o livro, se mantém fiel à essência e ter o autor da obra ali tão próximo é uma garantia de que as coisas seguem da maneira mais impecável possível. A série foi tão bem aceita que em breve teremos mais uma adaptação de Gaiman chegando no Prime Vídeo, Good Omens (Belas maldições) que você pode saber mais sobre clicando aqui! Relaxe e assista a série e quando você achar que não entendeu nada para logo após descobrir que entendeu tudo, lembre que você não entendeu nada, mas certamente entendeu tudo. Corra para assistir, pois a segunda temporada chega dia 10 de março!

Deuses Americanos está disponível na Amazon Prime Video!

Compre o livro que deu origem a série e clicando na imagem abaixo:

Deuses Americanos (Prime Video) - Dicas de Streaming 2

Deuses Americanos (Prime Video) - Dicas de Streaming 3

Confira nossas outras dicas de Streaming clicando aqui! 


Créditos:

Texto: Diego Brisse

Imagens: Reprodução

Edição: Diego Brisse

Texto publicado originalmente em 08 de março de 2019. Atualizado em 09 de abril de 2020.

Compre pelo nosso link da Amazon e ajude o UB!