Ultimato do Bacon

Coney Island de Gianfranco Manfredi – O Ultimato

Em 16 de Jun de 2023 3 minutos de leitura

Uma história noir para deixar qualquer fã do gênero feliz: suspense, mistério, ação.. Coney Island de Gianfranco Manfredi traz tudo isso e muito mais em 290 páginas de uma história que prende o leitor do começo ao fim. A arte de Giuseppe Barbati e Bruno Ramella é um show à parte e só torna a leitura ainda mais prazerosa e magnética.

Lançada originalmente em 2015, a obra italiana da editora Bonelli chegou ao Brasil em 2022 pelo selo Lorobuono Fumetti da Editora 85. A edição, em capa cartão e formato italiano, traz a trama criada por Gianfranco Manfredi na íntegra. Vale lembrar  que Coney Island foi originalmente publicado em formato minissérie em 3 edições na Itália.

Dica para o leitor: Quer conhecer mais sobre o famoso autor italiano responsável por Coney Island? Confira nossas matérias O Faroeste Sobrenatural de Mágico Vento, O Procurador de Gianfranco Manfredi e Pedro Mauro – O Ultimato e Mugiko de Gianfranco Manfredi e Pedro Mauro – O Ultimato

E não deixe de assistir nossa entrevista exclusiva com o autor em Conversa com Gianfranco Manfredi e suas obras Costelinha 070

Muito mistério e cenas impactantes esperam o leitor na HQ Coney Island de Gianfranco Manfredi

A trama da HQ Coney Island de Gianfranco Manfredi

Gianfranco Manfredi cria uma obra noir potente em mais uma ótima HQ da Bonelli! A trama acompanha um mistério envolvendo um ataque e um assassinato que é explorado por diversos pontos de vistas diferentes. A partir da resolução desse acontecimento inicial a narrativa se desenvolve e fica cada vez mais frenética até o seu excelente final.

Tudo começa com o bruto e fechado detetive Sloane. O solitário personagem sempre faz suas refeições em um restaurante/bar que fica embaixo de seu apartamento. É nesse local que ele conhece a linda Brenda, uma garçonete que trabalha alil.

Convidado pela jovem, ele vai ao parque em Coney Island. A visita parece transcorrer bem, mas alguns detalhes começam a parecer estranhos na cabeça do detetive. A jovem alega que nunca havia ido ao parque mas um mágico e o jovem que faz “malabarismo” com a moto parecem conhecê-la muito bem.

O clima do passeio azeda e as coisas se complicam de vez quando o Detetive Sloane começa a achar que foi levado ao passeio para ficar longe de uma investigação que estava ocorrendo. Ao se dirigir a casa da jovem para confrontá-la ele encontra a mesma muito machucada e quase é morto por um mafioso, sendo salvo no último momento por uma enigmática e mascarada figura

Coney Island de Gianfranco Manfredi (3)

O detetive Sloane e Brenda assistem um espetáculo na HQ Coney Island de Gianfranco Manfredi

O mistério proposto por Manfredi é muito interessante, mas a forma como ele desenvolve a história torna tudo ainda melhor. Ao invés de retratar uma linear investigação, vemos essa parte inicial da narrativa sendo contada por seus principais participantes: o detetive, Brenda, o perigoso mascarado e dois dos integrantes do parque. Esse assassinato misterioso é só o ponto de partida da história que envolve mafiosos famosos e um submundo muito perigoso.

Todos os personagens apresentados por Manfredi são muito bem construídos e todos possuem sua cota de erros e acertos. O autor consegue equilibrar bem o tempo de cada um nos holofotes e o ritmo é perfeito. A história não “deixa a peteca cair” em nenhum momento e em pouco tempo nos vemos apegados aos personagens principais e temendo por suas vidas.

Se o roteiro de Manfredi é impecável, o que dizer da arte? Giuseppe Barbati e Bruno Ramella entregam um trabalho belíssimo que parece ter movimento e vida própria. As cenas de ação (em especial as que possuem veículos e motos) deixam o leitor “babando”.

Coney Island de Gianfranco Manfredi (1)

As cenas de ação de Coney Island ficam lindas na arte de Giuseppe Barbati e Bruno Ramella

É difícil falar sobre a trama de Coney Island de Gianfranco Manfredi depois desse mistério inicial sem dar spoilers. O que podemos dizer é que ela apresenta muitas reviravoltas e que o leitor tem que ter muito cuidado e atenção antes de julgar os personagens e suas atitudes – nem tudo é o que parece. 

Coney Island de Gianfranco Manfredi é uma HQ noir simplesmente perfeita. A ambientação, a construção de personagens, os mistérios, as cenas de ação.. tudo funciona muito bem! Confesso que após as primeiras páginas fiquei temeroso de toda a narrativa ficar presa ao mistério inicial mas é interessante como ele serve como catalisador e motor para tudo que vem depois!

Se você é fã de uma boa história de mistério, Coney Island de Gianfranco Manfredi é para você!

Quer conhecer grandes HQs noir? Confira nossas matérias:

Conheça a HQ BlackSad: Obra Completou 20 Anos

Conheça as HQs Parker de Richard Stark e Darwyn Cooke

Conheça Nick Raider de Claudio Nizzi

The Spirit de Darwyn Cooke – O Ultimato

Conheça a HQ Dead Letters de Christopher Sebela (2017)

Avaliação: Excelente!

Compre Coney Island de Gianfranco Manfredi clicando na capa abaixo! .


Créditos:
Texto: Lucas Souza
Imagens: Reprodução
Edição: Diego Brisse
Compre pelo nosso link da Amazon e ajude o UB!


Quer debater Quadrinhos, Livros e muito mais?

Conheça nosso grupo no WhatsApp!

Quero participar

Notícias relacionadas

Ultimato do Bacon Editora

Ultimato do Bacon Editora

18 de Jan de 2021

Nós usamos cookies para garantir que sua experiência em nosso site seja a melhor possível. Ao navegar em nosso site você concorda com a nossa política de privacidade.

OKPolítica de privacidade