Ultimato do Bacon

The Spirit de Darwyn Cooke – O Ultimato

Em 2 de Mai de 2022 4 minutos de leitura
The Spirit de Darwyn Cooke - O Ultimato (3)

A maior e mais memorável criação de Will Eisner nasceu em 1940. Vivendo em um clima noir e cheio de mistérios, as histórias acompanham as aventuras de um detetive que havia retornado dos mortos para fazer justiça! Em 2007 a DC Comics decidiu que era hora de apresentar o personagem para uma nova geração de leitores e foi nesse contexto que tivemos The Spirit de Darwyn Cooke. 

Darwyn Cooke fez questão de manter o clima leve das histórias e em suas aberturas ele sempre emulava o estilo de escrita do título da HQ que tanto chamava a atenção nos começos das tramas de Eisner! A escolha é simplesmente perfeita porque o trabalho de Cooke tem um ar clássico muito forte – o que só ajudou na criação dessa nova versão.

The Spirit de Darwyn Cooke começou com um divertido crossover com o Batman – nesse caso o roteiro ficou com Jeph Loeb. A série, lançada originalmente no mesmo ano do encontro com o Homem Morcego (2007), teve Cooke no comando de 11 dos seus 12 primeiros números (ele só ficou de fora da sétima edição). Aqui no Brasil você pode encontrar toda a trajetória de Cooke no títulos nas edições: “Batman & The Spirit” (2008) e “The Spirit” #1 – #5 (2008-2009). 

Quer ler outra grande obra de Darwyn Cooke fora do mundo dos super-heróis? Confira nossa matéria sobre as adaptações de Parker de Richard Stark!

The Spirit de Darwyn Cooke - O Ultimato (1)

Darwyn Cooke emulava Will Eisner na abertura das edições de The Spirit

Curiosidade para o leitor: O título “The Spirit” iniciado em 2007 não acaba com a saída de Cooke. Ele segue, com outra pegada e com alguns artistas convidados até o número 32.

Nomes como Denny O’ Neil, Sergio Aragonés (que passou a ser um dos principais roteiristas) e Eduardo Risso abrilhantaram as páginas da HQ – que continuou boa mas perdeu boa parte do seu brilho. Cooke trabalhou com o universo criado por Eisner de forma tão incrível e impressionante que ficou difícil para outros autores conseguirem manter o nível.

Infelizmente não tivemos a publicação no Brasil de todos os números dá série. O especial “The Spirit – As Novas Aventuras” (2009) – que compilava do número 13 até o 18 – foi o último que saiu em terras brazucas.

Índice

As tramas da HQ The Spirit de Darwyn Cooke 

Darwyn Cooke faz um trabalho brilhante de reapresentação do clássico personagem de Will Eisner. É importante salientar que ele faz questão de manter todas as características dos personagens principais.

Até o ritmo das tramas se mantém. Cooke aproveita seus 11 números para nos trazer os mais memoráveis coadjuvantes e vilões do herói: Comissário Dolan, Octopus, Cossaco, P’ Gell, Ellen Dolan, Ébano e muitos outros.

As tramas, de maneira geral, começam e terminam na mesma história. É depois de 2 ou 3 edições que percebemos que Darwyn Cooke está amarrando uma grande história – e uma grande ameaça – que vai se desenvolvendo até ganhar os holofotes na excelente edição 11.

O autor também faz um ótimo trabalho de contextualização do personagem e é através de flashbacks, que recontam a origem do herói, que ele constrói toda a ameaça que permeia as HQs. Perfeito para novos leitores!

The Spirit de Darwyn Cooke - O Ultimato (4)

A edição 4 da série original mostra o encontro do herói com Sartin na série The Spirit de Darwyn Cooke

As Melhores Edições da HQ The Spirit de Darwyn Cooke

Posso dizer, sem medo de errar, que todos os números da série escrita por Darwyn Cooke são tremendamente marcantes e a sensação que temos é que ele se reinventa a cada número. Mas vale destacar algumas edições que podem interessar para novos leitores do personagem e que dão uma ótima mostra da qualidade do material

Ressurreição:  a terceira edição da série traz uma ótima história que é super importante para os novos fãs: ela reconta a origem do herói e estabelece seus motivos para que ele tenha preferido “continuar morto” ao invés de reassumir sua antiga identidade. Uma ótima trama que estabelece a grande ameaça da série!

O Legítimo Feijão com Bacon: Uma das histórias mais criativas e cativantes da série coloca o Spirit tendo que lidar com alguém que usa sua imagem para vender comida “duvidosa” para crianças de Central City. A trama tem um desenvolvimento muito divertido e imprevisível  e os vilões envolvidos roubam a cena!

Quase Blue: A sexta edição da série traz a história mais triste contada por Cooke. Aqui vemos o herói como um ouvinte que conhece a jornada de três meninas e um gênio musical que encontram seu triste fim após serem “atropelados” pela maldade e ganância do ser humano. A trama é daquelas que nos faz refletir.

Dia dos Mortos: A história publicada na edição 11 é, para mim, a mais marcante! Nela temos a execução do plano gigantesco que um grande vilão vem preparando há muito tempo. A ameaça, com uma pegada sobrenatural forte, deixa as páginas abarrotadas de cenas de ação de tirar o fôlego!

The Spirit de Darwyn Cooke - O Ultimato (2)

The Spirit e Batman interagem no crossover que antecede a série escrita por Darwyn Cooke

Depois de fazer esse “top 4”, é importante salientar que todas as edições são muito boas! Merecem menções especiais também a edição 12 (Sand), que traz uma excelente história envolvendo um antigo amor do herói, e todas as edições que envolvem o divertido Hussein (um trambiqueiro que eventualmente cruza o caminho do Spirit).

Vale salientar que o lado galanteador de Denny Colt segue afiado e vemos diversas femme fatales cruzarem seu caminho – exatamente como ocorriam nas histórias clássicas.

Vale a pena ler The Spirit de Darwyn Cooke?

Sabemos que encontrar as edições antigas dessa criação de Will Eisner não é uma tarefa fácil. Os colecionadores que se aventuram precisam estar preparados para abrir os bolsos. Se você nunca leu nada do clássico personagem, isso pode ser impensável, certo?

The Spirit de Darwyn Cooke é excelente (mantém o nível altíssimo da obra original) e ainda resolve esse problema que os colecionadores brasileiros tem.

O ritmo veloz das histórias – aliada ao fato de vermos elas se fecharem na mesma edição – as tornam excelentes pontos de partida para novos leitores! Sem contar que a arte inconfundível de Cooke traz aquela sensação de nostalgia que parece deixar tudo ainda melhor.

 The Spirit de Darwyn Cooke é uma daquelas séries que merecem ser lidas pelos fãs de super-heróis. Tramas leves e sem grandes pretensões ganham os holofotes. A variação dos temas e personagens abordados pelo autor também não deixam a série cair na mesmice e cada número é simplesmente único!

Minha sugestão? Se você é fã de super-heróis, busque essas edições. Você não vai se arrepender!

Quer conhecer algumas obras de Will Eisner? Confira nossos reviews sobre Um Contrato com Deus, Último dia no Vietnã e Um Sinal do Espaço!

Avaliação: Excelente!


Créditos:
Texto: Lucas Souza
Imagens: Reprodução
Edição: Diego Brisse
Compre pelo nosso link da Amazon e ajude o UB!


Quer debater Quadrinhos, Livros e muito mais?

Conheça nosso grupo no WhatsApp!

Quero participar

Notícias relacionadas

Afro Samurai de Takashi Okazaki - O Ultimato (5)

Afro Samurai de Takashi Okazaki – O Ultimato

12 de Ago de 2022

Nós usamos cookies para garantir que sua experiência em nosso site seja a melhor possível. Ao navegar em nosso site você concorda com a nossa política de privacidade.

OKPolítica de privacidade