A Liga da Justiça é um dos grandes grupos das HQ´s. Superman, Batman, Mulher-Maravilha, Lanterna Verde, Flash.. As formações variam mas a grandiosidade da equipe permanece. A nossa lista de As Melhores Histórias da Liga da Justiça visa trazer as mais icônicas e marcantes aventuras da equipe de Super-Heróis da Editora das Lendas!

Vamos lá?

.

Lista: As 15 Melhores Histórias da Liga da Justiça

.

1- Justiça de Alex Ross

Liga da Justiça

“Justiça” de Alex Ross é uma aventura grandiosa que homenageia toda equipe e merece estar na lista As Melhores Histórias da Liga da Justiça

 

“Justiça” de Alex Ross já é um clássico da Liga da Justiça. A história engloba os personagens da equipe (e da DC Comics como um todo) contra um grande plano dos maiores vilões da editora com Brainiac, Luthor, Mulher-Leopardo, Giganta e muitos outros. Mais do que uma história da Liga da Justiça, a HQ é uma verdadeira celebração do Universo DC que se estende da escuridão da Batcaverna até as belas paisagens de Temiscira. A ameaça causada pela união dos vilões é crível, bem pensada e amarra o leitor!

“Justiça” foi lançada em 2005 no formato minissérie e contou com 12 incríveis edições com roteiros e arte de Alex Ross. No Brasil a HQ foi lançada duas vezes pela Panini Comics: em formato minissérie em 12 edições (2007) e em edição definitiva capa dura (2003). A Eaglemoss ainda publicou a  HQ em duas partes em “DC Comics – Coleção de Graphic Novels” #27 – #28 (2016)

.

2- O Prego de Alan Davis

Liga da Justiça

O Prego de Alan Davis é um Elseworld da DC que merece seu lugar na lista As Melhores Histórias da Liga da Justiça

 

O que aconteceria com a Liga da Justiça se o Superman não estivesse lá para guiar seus companheiros de equipe? “O Prego”  de Alan Davis é uma HQ Elseworld (famoso no Brasil como Túnel do Tempo) da DC que mostra que um pequeno prego pode mudar o destino do planeta – o prego em questão fura o pneu de Jonathan Kent e faz com que Kal-El nunca seja achado pelo casal.. Esse pequeno prego muda tudo! A HQ é memorável e mostra ao leitor o papel do Superman na Liga da Justiça!

“Justice League: The Nail” (Liga da Justiça: O Prego em português) foi originalmente publicado no formato minissérie em três edições em 1998. No Brasil a HQ pode ser encontrada em formato minissérie em três edições (2002) ou completa (2005) pela Mythos ou em capa dura pela Eaglemoss em “DC Comics – Coleção de Graphic Novels” #19 (2016)

 

3- Torre de Babel de Mark Waid

Liga da Justiça

Mark Waid marcou a Liga da Justiça em seu run e muitas de suas histórias estão na lista de As Melhores Histórias da Liga da Justiça

 

O run de Mark Waid na Liga da Justiça é um dos melhores da equipe, por isso prepara-se para ver bastante o nome do autor na nossa lista! Torre de Babel é uma história que virou um clássico ao mostrar os planos do Batman sendo roubados e utilizados para derrotar toda a equipe. O clima de desconfiança e a criatividade dos planos para derrotar os heróis Liga são os pontos altos da história (saiba mais sobre Torre de Babel aqui).

Torre de Babel foi originalmente publicada em 2000 na HQ “JLA” #43 – #46 e “JLA Secret Files” #3. No Brasil a história foi publicada em “Superman Premium” #17 (2001) da Editora Abril e em capa dura pela Eaglemoss em “DC Comics – Coleção de Graphic Novels” #4 (2014)

.

4- Nova Ordem Mundial de Grant Morrison

Liga da Justiça

A Nova Ordem Mundial é parte do run de Grant Morrison e mais uma HQ da lista de As Melhores Histórias da Liga da Justiça

 

Mark Waid marcou a Liga da Justiça mas o escocês Grant Morrison não ficou para trás! Uma das primeiras sagas do autor com a equipe, “A Nova Ordem Mundial” é um intenso confronto da Liga da Justiça com os temidos Marcianos Brancos. O bacana do arco é que ele retrata uma luta tanto física quanto mental – inclusive com manipulação da opinião pública. Uma excelente história que mostra a versatilidade dos heróis!

“A Nova Ordem Mundial” (New World Order no original) de Grant Morrison foi lançado originalmente em 1997 em “JLA” #1 – #4. No Brasil a HQ foi originalmente publicada pela editora Abril em formatinho na série “Os Melhores do Mundo” #9 – #12 (1998). Nas mãos da Panini Comics a história foi publicada em um encadernado capa dura em 2008 e posteriormente a Eaglemoss também trouxe a trama em capa dura no encadernado “DC Comics – Coleção de Graphic Novels” #55 (2017)

.

5- A Era Obsidiana de Joe Kelly

Liga da Justiça

A Era Obsidiana é uma trama focada no desaparecimento do Aquaman que merece seu lugar na lista As Melhores Histórias da Liga da Justiça

 

Depois do evento da DC intitulado “Mundos em Guerra”, o Aquaman havia sumido. A saga “A Era Obsidiana” é uma trama que leva a Liga da Justiça para buscar o companheiro desaparecido.Joe Kelly cria uma trama onde os heróis da Liga desaparecem buscando seu companheiro e uma Liga reserva (comandada pelo Asa Noturna) precisa ser convocada. A HQ segue em duas frentes mostrando as dificuldades da nova equipe ao mesmo tempo que mostra os membros principais envolvidos com Atlântida. Joe Kelly cria um ritmo intenso em uma HQ que é memorável para os fãs da DC!

“A Era Obsidiana” de Joe Kelly foi publicada em 2002 nas HQ´s “JLA” #66 – #75. No Brasil a trama de Kelly foi publicada apenas uma vez pela Panini Comics em “Liga da Justiça” (primeira série) #9 – #18 em 2003/2004.

.

6-  Guerra de Geoff Johns

Liga da Justiça

Na fase dos Novos 52 o autor Geoff Johns trouxe uma nova e interessante origem que merece lugar entre As Melhores Histórias da Liga da Justiça

 

Os Novos 52 foi um período polêmico da DC Comics. No meio de muitos acontecimentos, Geoff Johns teve a missão de recontar o primeiro encontro da Liga da Justiça. “Guerra” é o nome do arco que mostra Superman, Batman, Lanterna Verde, Aquaman, Mulher-Maravilha, Flash e Ciborgue (que aqui é membro pela primeira vez!) se conhecendo e se unindo para enfrentar Darkseid.

A HQ conta com os belos desenhos de Jim Lee e é um bom começo para esse novo universo. Johns já deixa claro de saída que as personalidades mudaram nessa nova fase e vemos um Superman mais agressivo, um Lanterna Verde mais brincalhão e uma Mulher-Maravilha mais brutal e guerreira. A HQ é uma boa proposta de modernização por mais que saibamos que poucas foram as boas histórias da Liga que se seguiram na fase…

“Liga da Justiça Guerra” (Justice League War no original) de Johns foi publicado originalmente em 2011 nas HQ´s “Justice League” #1 – #6. No Brasil chegou em 2012 em “Liga da Justiça” (2ª série) #1-#6 e depois em capa dura no encadernado “Liga da Justiça: Origem” (2015) – ambas as edições da Panini Comics.

.

7- Trono de Atlântida de Geoff Johns

Liga da Justiça

Johns marca lugar pela segunda vez na lista de As Melhores Histórias da Liga da Justiça com Trono de Atlântida

 

Olha o Johns aí de novo! O escritor aparece de novo na lista As Melhores Histórias da Liga da Justiça com uma trama que é muito focada na rivalidade de Aquaman com seu irmão Orm. A HQ mostra uma guerra que Orm inicia com a superfície pelo comando do planeta.

A HQ é recheada de bons momentos e – por mais que seja uma trama focada no Aquaman – a Liga da Justiça é diretamente envolvida. É mais uma excelente trama da Liga que se originou no período dos Novos 52 e a segunda trama da lista focada no Aquaman.

“O Trono de Atlântida” de Geoff Johns foi publicado nos EUA em 2012 nas HQ´s”Justice League” #13 – #20 e “Aquaman” #14 – #16. No Brasil, o melhor lugar para achar a saga é no encadernado capa dura da Panini Comics de 2016 chamado “Liga da Justiça: O Trono da Atlântida”.

.

8- 3ª Guerra Mundial de Grant Morrison

Liga da Justiça

3ª Guerra Mundial é o arco que fecha com chave de ouro a fase de Grant Morrison e merece estar na lista As Melhores Histórias da Liga da Justiça

 

A Premissa por trás do encerramento da fase de Morrison na Liga da Justiça é grandiosa! “3ª Guerra Mundial” traz os heróis da Liga da Justiça lutando contra uma arma antiga que despertou para destruir a Terra ao mesmo tempo em que a equipe é atacada Luthor, Prometheus e outros que querem derrubar a equipe. Todos os heróis são levados ao limite em uma história que realmente mostra o que a Liga da Justiça pode fazer quando necessário!

“3ª Guerra Mundial” de Grant Morrison foi publicado em 1999/2000 nas edições “JLA” #34 – #41. A trama só chegou ao Brasil uma vez pelas mãos da Mythos na minissérie em 4 partes “Liga da Justiça – 3ª Guerra Mundial” de 2004.

.

9- Escada para o Céu de Mark Waid

Liga da Justiça

Escada para o Céu é uma grande trama de Waid que merece estar em As Melhores Histórias da Liga da Justiça

 

Eu disse que Waid tinha sido memorável na Liga da Justiça no começo da lista e olha ele aqui de novo! “Escada para o Céu” mostra a Liga da Justiça interagindo com seres poderosos que são tão antigos quanto o Universo. Esses seres descobrem que estão morrendo e decidem interagir com diversos planeta diferente para coletar suas reações e impressões sobre a morte.

O problema é que o jeito que esses seres coletam e “empilham” os planetas faz com que a Terra seja seriamente ameaçada. É papel da Liga interagir com os poderosos aliens e descobrir uma forma de salvar a todos! Uma HQ épica que mostra que nem sempre uma boa história de super-heróis precisa de um vilão…

A história de Waid foi publicada em 2000 no especial de 100 páginas “Jla: Heaven’s Ladder” e só chegou ao Brasil uma vez pela Panini Comics em 2002 na HQ de capa cartão “Liga da Justiça – Escada Para O Céu”.

.

10- LJ? de Tom Peyer

Liga da Justiça

Tom Peyer mostra as fraquezas da Liga dividida e ganha lugar em As Melhores Histórias da Liga da Justiça

 

O que faz da Liga da Justiça uma equipe especial? Essa é a pergunta que Tom Peyer tenta responder na minissérie “Justice Leagues: Jl?” de 2001. Na trama, a Liga da Justiça é “convencida” a se dividir por um emissário que deve preparar a Terra para ser conquistada.

Diversas Ligas da Justiça surgem e todas falham em sua missões.. A Liga precisa rapidamente descobrir o que a torna única para poder combater o vilão cósmico que se aproxima do planeta! A história de Peyer possui um excelente ritmo e apresenta diversas formações inusitadas da equipe. Vale a pena!

“Justice Leagues: Jl?” foi publicada no Brasil pela Mythos em 2003 na minissérie “Ligas da Justiça: Lj?” #1 – #3.

.

11- Paraíso Imperfeito de Joe Kelly

Liga da Justiça

O laço da Mulher-Maravilha é peça central da trama de Joe Kelly que merece lugar em As Melhores Histórias da Liga da Justiça

 

“Paraíso Imperfeito” (Golden Perfect no original) é uma trama de Joe Kelly para a Liga da Justiça que foca na Princesa Amazona. A história em três partes mostra o que acontece quando o místico e poderoso laço da heroína é rompido e coloca Diana em rota de colisão com seus parceiros de equipe.

A trama é a estreia de Kelly e seu final acaba sendo um “gancho” para outra trama da nossa lista: A Era Obsidiana. Prepare-se para ver a Princesa Amazona em situações bem diferentes…

“Paraíso Imperfeito” foi publicado no Brasil pela Panini Comics em “Liga da Justiça” (1ª Série) #5 – #7 em 2003. Nos EUA foi publicado em 2002 em “JLA “ #62 – #64.

.

12- Vícios e Virtudes de David S. Goyer e Geoff Johns

Liga da Justiça

David S. Goyer e Geoff Johns reúnem a Liga e a Sociedade da Justiça em uma HQ alucinante!

 

Johns retorna a lista de As Melhores Histórias da Liga da Justiça acompanhando de David S. Goyer. “LJA/SJA : Vícios e Virtudes” é uma trama que reúne a Sociedade da Justiça e a Liga da Justiça contra um vilão que quer dominar a Terra e para isso liberta os Sete Pecados Capitais.

Prepare-se para ver herói contra herói enquanto tenta descobrir o vilão por trás de todas as manipulações. Uma trama com ritmo intenso que sabe usar vários heróis das duas equipes para contar uma boa história.

“LJA/SJA : Vícios e Virtudes” chegou às bancas americanas em 2002 na edição “Jla/Jsa: Virtue And Vice”. A HQ foi lançada no Brasil pela panini comics em 2003 no título “LJA & SJA – Vícios e Virtudes” e pela Eaglemoss em 2018 na HQ capa dura “DC Comics – Coleção de Graphic Novels” #64.

.

13- O Rastro do Tornado de Brad Meltzer

Liga da Justiça

Tornado Vermelho em foco no arco de estréia de Brad Meltzer na Liga da Justiça

 

Brad Meltzer ganha seu lugar na lista As Melhores Histórias da Liga da Justiça com a trama “O Rastro do Tornado” (Tornado´s Path) de 2006. Na HQ, o Tornado Vermelho se torna humano e enquanto Batman, Superman e Mulher-Maravilha estão selecionando os membros da nova LIga da Justiça, um antigo inimigo retorna para acabar com a equipe.

A trama é uma das poucas da equipe que é focada no Tornado e é bem trágica. Os desenhos de Ed Benes encaixam bem demais na trama que é muito recomendada se você não conhece muito bem o Tornado Vermelho!

“O Rastro do Tornado” de Brad Meltzer foi publicado no Brasil em 2007 nas edições da Panini Comics “Liga da Justiça” (1ª Série) #59 – #61.

.

14- Terra 2 de Grant Morrison

Liga da Justiça

Grant Morrison traz a versão distorcida da Liga de volta em uma trama digna da lista de As Melhores Histórias da Liga da Justiça

 

Sim, ainda temos espaço para mais um arco de Grant Morrison! “Terra 2” é a trama do autor escocês que traz de volta o Sindicato do Crime – a versão distorcida da Liga da Justiça. Os vilões pretendem dominar a Terra e entram em rota de colisão com a equipe de heróis mais poderosa da DC Comics. A HQ é diferente pela construção que Morrison dá ao Sindicato e pela forma como os confrontos se desenrolam.

“JLA : Earth 2” de Morrison conta com a arte de Frank Quitely e foi publicado em 2000. Chegou ao Brasil pela editora Abril em “Superman Premium” #1 (2000) e pela Eaglemoss em um encadernado capa dura de 2016 chamado “DC Comics – Coleção de Graphic Novels” #13.

.

15- Pesadelos de uma noite de verão de Mark Waid

Liga da Justiça

Mark Waid conquista mais um lugar na lista de As Melhores Histórias da Liga da Justiça com sua minissérie

 

“Pesadelos de uma noite de verão” de Mark Waid é uma trama que mostra a Liga da Justiça desorientada. Na HQ, os maiores heróis da DC são levados a acreditar que não possuem poderes e são cidadãos normais. Waid cria uma trama onde um vilão pretende derrotar a Liga de um jeito que ninguém nunca havia tentado: fazendo eles esquecerem quem são. Uma excelente trama que fecha com chave de ouro a nossa lista!

“Pesadelos de uma noite de verão” de Mark Waid foi publicado originalmente em formato minissérie de três edições em 1996 com nome “Justice League: A Midsummer’s Nightmare”. No Brasil a HQ foi publicada em formatinho pela editora Abril em “Os Melhores do Mundo” #1 – #2 de 1997.

Curtiu a nossa lista? Confira também a lista de Os maiores vilões da Liga da Justiça e as matérias sobre  Liga da Justiça Sombria a Guerra de Apokolips e Liga da Justiça Vs. Os Cinco Fatais

 

 


Créditos:
Texto: Lucas Souza
Imagens: Reprodução
Edição: Diego Brisse

Compre pelo nosso link da Amazon e ajude o UB!