O Espetacular Homem-Aranha Corrente (“The Amazing Spider-Man: Full Circle” no original) foi uma ideia diferente da Marvel Comics que fez parte das comemorações pelos 80 Anos da Casa das Ideias. O plano consistia em fazer boas equipes criativas da editora trabalharem na mesma trama do Teioso de forma que cada equipe deveria resolver o problema criado pela equipe anterior, desenvolver um pouco a trama e deixar um novo problema – sem grandes planos ou combinações prévias. Tudo ao acaso. Esse tipo de ideia pode gerar HQs super interessantes ou sem sentido algum…

O Espetacular Homem-Aranha Corrente foi publicado originalmente no final de 2019 e chegou ao Brasil em 2020 em capa cartão pela Panini Comics. A “brincadeira” teve participação de nomes como Jason Aaron, Jonathan Hickman, Nick Spencer, Chip Zdarsky, Al Ewing e outros!

Nick Fury em Homem-Aranha Corrente

Nick Fury é um dos protagonistas de O Espetacular Homem-Aranha Corrente da Marvel Comics

A trama de O Espetacular Homem-Aranha Corrente

As equipes criativas da Marvel tiveram um grande desafio nessa “brincadeira” proposta pela editora. A trama começa muito bem com o Homem-Aranha acordando depois de duas semanas preso em uma base secreta (e usando o uniforme negro ainda por cima) sem saber nada do que aconteceu.

Esse elemento de mistério se junta a uma ação desenfreada que coloca ele e a S.H.I.E.L.D. lado a lado contra um inimigo comum. No meio disso tudo ainda temos alucinações com o Porco-Aranha, um personagem misterioso que está “pedindo por socorro” e descobrimos que tudo isso está se passando no espaço! E era só a primeira parte, escrita por Hickman, de uma promissora história do Amigão da Vizinhança..

Infelizmente a trama de O Espetacular Homem-Aranha Corrente desanda feio na segunda edição. Ele sai do espaço, vai parar em um parque na Flórida (dã!) e logo o Wolverine se junta a Nick Fury e ao herói em uma trama que envolve lobisomens.

A coisa toda fica surreal, fora de mão e… boba. Infelizmente o promissor começo se transforma no que a gente mais teme quando escuta ideias de participação de diversos autores em uma mesma história. Uma pena…

Porco-Aranha e Venom em Homem-Aranha Corrente

Em O Espetacular Homem-Aranha Corrente o personagem usa um traje especial para voltar ao planeta

A HQ, que já estava boba e confusa, resolve ir além e misturar viagem no tempo aos seus lobisomens, porcos, parques e espaço e somos obrigados a ver uma versão muito da feia do porco-aranha. A viagem no tempo é a última tentativa (fracassada) de salvar uma HQ que infelizmente está muito aquém de tudo que já vi do Homem-Aranha.

Não acredita? Te digo que tem até um Justiceiro fundido com o Nulificador Total na história…

Entre toda essa confusão, O Espetacular Homem-Aranha Corrente ainda tenta nos deixar uma lição/aprendizado de vida (no melhor estilo He-Man) e… nem isso funciona! A ideia que realmente era ousada e interessante, por conta dos nomes envolvidos, se transforma – na minha opinião – em um verdadeiro desastre que não lembra em nada as grandes aventuras do herói. 

Justiceiro fundido em Homem-Aranha Corrente

A “pá de cal”: Justiceiro fundido com o Nulificador Total em O Espetacular Homem-Aranha Corrente

Se você é um fanático pelo Cabeça de Teia, como eu, vá e tire suas próprias conclusões (e prepare-se para o gosto amargo que fica na boca). Se você “só” gosta do Homem-Aranha ou quer apreciar uma boa história dele, passe longe!

Tem muito material legal do Teioso como Primeiros Passos, Tormento, História de Vida e até mal compreendida Saga do Clone! Aproveite essas histórias…

 

 

O Espetacular Homem-Aranha Corrente - O Ultimato 1

Avaliação: Ruim

 


Créditos:
Texto: Lucas Souza
Imagens: Reprodução
Edição: Alexandre Baptista

Compre pelo nosso link da Amazon e ajude o UB!


 

Fique ligado no Ultimato do Bacon para mais conteúdos sobre Quadrinhos, Livros, TV, Streaming, Cinema, Música e muito mais!