Ultimato do Bacon

Deadworld Volume Um (2021) – O Ultimato

Em 18 de Nov de 2021 3 minutos de leitura
UB Deadworld Volume Um 1 PRINCIPAL

Conheça a maior série de zumbis dos quadrinhos undergrounds: Deadworld

A série televisiva The Walking Dead (2010) vem fazendo sucesso há mais de 10 anos entre os fãs de zumbi. Nem todos sabem que ela começou nos quadrinhos, publicada pela Image Comics entre 2003 e 2019, com roteiros de Robert Kirkman e desenhos de Tony Moore e Charlie Adlard.

Muito do que ajudou no sucesso de The Walking Dead, porém, já estava presente nos quadrinhos undergrounds dos anos 1980, em uma série digna de George A. Romero chamada Deadworld (1987). Criada e escrita por Stuart Kerr e Ralph Griffith, foi ilustrada até o sétimo capítulo por Vince Locke – que chegou a passar pelas páginas de Sandman (1988-1996) –.

Inicialmente, a série foi dividida em dois volumes. O primeiro saiu pela editora Arrow até o capítulo nove e se encerrou no 26º pela editora Caliber. Em 1993, teve início o segundo volume, pela mesma editora, com 15 capítulos. A série só voltaria em 2005, desta vez pela gigante Image Comics.

A ótima notícia é que a Tai Editora começou a publicar Deadworld no Brasil desde a primeira edição clássica. Em Deadworld Volume Um, temos os quatro primeiros capítulos da série, que saíram originalmente em 1987, formando um arco fechado, com roteiro de Stuart Kerr e arte de Vince Locke. A campanha de Deadworld Volume Dois já está no Catarse.

UB Deadworld Volume Um 2

O ônibus escolar é o responsável por abrigar e transportar o grupo no início da trama

Qual a trama de Deadworld Volume Um

O diferencial de Deadworld é o foco nos personagens e seus relacionamentos, fugindo um pouco daquela pura matança típica do gênero – não que ela não esteja lá –. Começamos com um grupo de sete jovens que naquele momento viviam num ônibus escolar em algum canto da Luisiana.

Mike, o autointitulado líder; John e o irmão caçula Joey, o mais novo da equipe; Chris, interesse amoroso de Mike e John; o casal Dan e Donna; e o ex-traficante Mickey. Aí, talvez um dos únicos pontos fracos da história: causou incomodo o cara que vendia drogas na escola ser o único personagem negro.

Voltando a trama, o apocalipse zumbi está a todo vapor, porém, os personagens têm poucas informações sobre ele. A praga é local ou se espalhou pelo mundo? Há para onde fugir? Como tudo aconteceu? Essas dúvidas, somadas aos problemas de relacionamento e a busca por sobrevivência são a linha de condução do roteiro neste início.

Outra particularidade de Deadworld surge no capítulo inaugural. Em meio a primeira horda de mortos-vivos, aparecem zumbis em motocicletas. Descobre-se, alguns são inteligentes, sádicos e organizados. E é um deles que se torna o vilão da série: King Zombie, junto de sua estilosa moto The Vince Black Shadow que, segundo o desenhista Locke, foi inspirada na máquina do próprio pai.

UB Deadworld Volume Um 3

As hordas de zumbis estão presentes, e entre os melhores momentos de ação

King Zombie foge jurando matar todos. O objetivo inicial do grupo, além de sobreviver, decide-se, é ir para a Califórnia e descobrir se por lá a situação está melhor. O fato de ser uma região com bom clima e possibilidade de caça e cultivo de alimentos é um dos fatores levados em conta.

No caminho, os desafios vão surgindo. A necessidade de buscar combustível na cidade, a organização em subequipes, a manutenção e armazenamento de comida e itens de sobrevivência, a decisão de qual o melhor caminho a se fazer… Sempre com o vilão os perseguindo.

Vale a pena ler?

É um baita quadrinho. Tem todo aquele clima que se espera de uma história de zumbis e mais. A proposta de dar vasão aos conflitos de jovens em meio ao apocalipse zumbi acrescenta à trama. As relações interpessoais são interessantes, agravadas pelo contexto de sobrevivência e de terem perdido família e lar.

UB Deadworld Volume Um 4

King Zombie, principal vilão da HQ, e sua Black Shadow

Mas não há tanto tempo assim para o drama e as cenas de ação, algumas bem violentas, meio trash, são incríveis. Neste caso, muito pelas mãos de Vince Locke. Apesar de os traços bem autorais desde o início, com uma arte bem carregada, é possível ver uma evolução dele como artista.

A edição acertou em incluir comentários do próprio Locke com breves curiosidades da produção antes de cada capítulo. A arte dele é underground, macabra, com um toque irônico de humor que me lembrou um pouco do britânico Derek Riggs, autor da mascote do Iron Maiden, Eddie. Por vezes, foge do próprio estilo e coloca olhões e bocões em uma pegada cartunesca e de mangá para reforçar a emoção dos personagens.

Vale a leitura. Em resumo, é um item obrigatório em qualquer lista de quadrinhos de zumbi. Pena que, se você procurar estas listas pela internet, pouquíssimas lembram de Deadworld.

Gostou do texto? Leia outras matérias do David Horeglad (HQ Ano 1) para o UB!

CONHEÇA A ESTRÉIA DE O INCRÍVEL HULK (1962) – BAÚ DE HQs

CONTOS DE TERROR DO CAZADOR: REGRESSO AO ARKHAM (2020) – O ULTIMATO

PODRÃO ANIQUILAÇÃO (2021) – O ULTIMATO

Ultimato do Bacon

Avaliação: Ótimo!

Compre Deadworld Volume Um clicando na capa abaixo! .

UB Deadworld Volume Um 5 CAPA


Créditos:
Texto: David Horeglad – @hq_ano1
Imagens: Reprodução
Edição: Diego Brisse
Compre pelo nosso link da Amazon e ajude o UB!


Quer debater Quadrinhos, Livros e muito mais?

Conheça nosso grupo no WhatsApp!

Quero participar

Notícias relacionadas

Nós usamos cookies para garantir que sua experiência em nosso site seja a melhor possível. Ao navegar em nosso site você concorda com a nossa política de privacidade.

OKPolítica de privacidade