O autor que ganhou fama na Marvel Comics ainda passa longe de ser uma unanimidade na DC. Naomi de Bendis é a prova de que o americano ainda tem muito material bom para mostrar. A heroína foi criada por ele em 2019 e tem feito sucesso – ganhando até reimpressão nos EUA.

A Panini Comics lançou em 2020 o encadernado que compila a chamada “1ª temporada”  da revista da personagem no Brasil. A edição, em formato americano e capa cartão, é o pontapé da jornada da personagem criada por Bendis.

Vale relembrar que o autor chegou com status de ídolo na DC Comics e assumiu o Superman que tinha acabado de passar por uma fase incrível nas mãos de Peter Tomasi. Algumas decisões pouco populares de Bendis fizeram os fãs da DC ficarem desconfiados mas os trabalhos desenvolvidos em Naomi e em Justiça Jovem nos fazem crer que ele ainda tem muita história boa para contar.

.

Naomi de Bendis

Uma menina super-poderosa do interior: a origem da heroína Naomi de Bendis apresenta muitas similaridades com outros heróis da DC

.

.

A trama da HQ Naomi de Bendis

 

A HQ Naomi de Bendis veio bem depois do Renascimento da DC Comics. Porém a história é tão boa e tão cheia daquele sentimento de esperança que estamos acostumados a ver, que se me falassem que a publicação veio junto a iniciativa que revitalizou a Editora das Lendas eu acreditaria. 

Naomi é uma adolescente adotada do interior dos EUA que vive em uma cidade onde nada acontece. A personagem, que é fã do Superman, perde o único grande evento da cidadezinha: o Superman aparece lutando com Mongul e, posteriormente, ajudando na limpeza da cidade.

Os diálogos, um dos pontos fortes de Brian Michael Bendis, estão incríveis. A sensação é de que realmente estamos acompanhando a vida de uma menina do interior e seu cotidiano com seus amigos. Mas é uma HQ de super-heróis e é claro que as coisas teriam que se complicar em algum momento…

.

Conheça Naomi de Bendis - O melhor trabalho do autor na DC 1

Naomi de Bendis é uma das personagens mais interessantes que surgiram nos últimos anos na DC Comics

.

Conversando com pessoas da cidade, e seguindo obcecada pelos eventos que perdeu, Naomi descobre que um outro evento envolvendo super-heróis ocorreu há muitos anos atrás. Esse é o gatilho para que a futura heroína comece a questionar seus pais adotivos sobre sua origem. A busca pela verdade e pelo passado é o que move a história de Bendis.

Se alguém achava que Bendis não entendia de DC Comics, a HQ Naomi mostra que ele entende muito! Algumas passagens da história fazem com que possamos afirmar isso: a forma como as pessoas se inspiram no Superman (os diálogos que tratam disso são muito interessantes), o conhecimento relevante  das crises da editora (o que é importante para a origem da heroína) e o uso de raças alienígenas famosas da DC na história. 

A trama é bem amarrada, faz sentido no Universo da editora e nos deixa animados para o futuro da personagem.

.

Naomi de Bendis

A animação da personagem Naomi de Bendis é contagiante!

.

O autor americano não é unanimidade entre os leitores da DC Comics – e isso é um fato! Eu particularmente não sou fã de algumas decisões do autor nas mensais do Superman (principalmente no que se refere ao retcon e ao filho do herói), mas confesso que acho a fase dele acima da média.

Apesar disso, ele ainda não tinha mostrado todo seu potencial. E é justamente em Naomi que ele deixa claro que ainda tem muitas boas histórias para contar. 

Naomi de Bendis é um título leve e divertido que mostra como pode ser prazeroso conhecer novos heróis dentro desse incrível universo da DC Comics. E se você gostou, saiba que a jornada da nova heroína continua por diversas publicações da Editora das Lendas.

Seja em participações nas HQs do Homem de Aço ou da Justiça Jovem! E que venham muitas aventuras de Naomi!

Quer conhecer outras HQs da DC Comics?

Confira nossas matérias!

.

Compre Naomi de Bendis clicando na capa abaixo!

.
Naomi de Bendis
 .

 


Créditos:
Texto: Lucas Souza
Imagens: Reprodução
Edição: Diego Brisse e Alexandre Baptista

Compre pelo nosso link da Amazon e ajude o UB!