Encontrar boas produções de Terror não é uma uma tarefa fácil. Seja no cinema, livros ou nas HQ´s, o gênero parece estar sofrendo uma certa estagnação e o mais comum é vermos obras “mais do mesmo”. Por isso ao conhecer Cinema Purgatório não fiquei empolgado em um primeiro momento. A antologia promete, assim como tantas outras, trazer boas histórias com grandes mestres dos quadrinhos. Alan Moore, Garth Ennis, Kevin O´Neil e outros grandes nomes dão as caras na produção.

Lançado originalmente em 2016 nos EUA, a versão nacional de Cinema Purgatório chegou ao Brasil em encadernado em 2018 pela Panini Comics. Já foram lançados quatro volumes no país que compilam doze edições da original.

Conheça a Antologia “Cinema Purgatório” 1

Cinema Purgatório traz uma seleção de grandes nomes para contar boas histórias de terror

A Proposta da HQ Antologia de Horror Cinema Purgatório

Cinema Purgatório tem no nome de Alan Moore o seu principal atrativo e a própria capa da edição nacional faz uso disso para vender a HQ. Se tratando de uma antologia, deve ficar claro para o leitor que Moore está presente apenas em uma das histórias. Mas não se aflija! A HQ, que pode não chamar a atenção em um primeiro momento, traz bons contos que conseguem, em sua maioria, surpreender. Apesar do nome de Moore ser o grande chamariz, é Garth Ennis que entrega a melhor história da edição – vale ressaltar que os contos de Cinema Purgatório diferem de outros porque possuem continuação nas edições seguintes. Essa continuidade dá aos roteiristas a oportunidade de desenvolverem melhor suas ideias e acaba fazendo com que os contos tenham uma qualidade superior. Afinal, não é fácil contar uma boa história com final surpreendente em 5 ou 6 páginas.

Garth Ennis e Raulo Caceres contam a melhor história até aqui. “Código Pru” acompanha a vida da paramédica Prudence que que começa a atender chamados “estranhos” e pouco convencionais. Ao lado de seu parceiro de turno ela descobre que existe um tipo muito específico de ocorrência que deve ser resolvido sem estardalhaço. Mais uma vez, vale ressaltar que uma história bem montada e desenvolvida como essa não teria sido possível em uma antologia na qual as histórias não tem continuação.

Conheça a Antologia “Cinema Purgatório” 2

Prudence e seu parceiro resolvem ocorrências “diferentes” na história de Garth Ennis em Cinema Purgatório

Infelizmente, histórias com continuação podem ser uma faca de dois gumes pois prolonga a duração de tramas ruins. A pior história da edição acaba ficando por conta de Max Brooks e Michael DiPascale. Os dois criam uma trama confusa e pouco carismática envolvendo a Guerra Civil americana. Apesar de misturar fatos reais com seus fatos fictícios, recurso que eu gosto bastante, a trama não funciona e torna difícil nos identificarmos com os coronéis e soldados da obra – uma pena, dá para ver que havia uma boa ideia ali.

Christos Gage e Gabriel Andrade entregam uma história digna de ser mencionada em “A Vastidão”. Envolvendo um tema muito batido, combates com monstros gigantes, eles conseguem fazer a trama ir para caminhos inesperados e novos – ponto para eles! “Mods” de Kieron Gillen e Ignacio Calero também se destaca ao trazer uma história que é uma mistura de Pokemon/Digimon com um mundo apocalíptico no melhor estilo Mad Max! Tudo isso com belos desenhos e aspectos horripilantes das pequenas criaturinhas.

Conheça a Antologia “Cinema Purgatório” 3

A Vastidão” é uma das excelentes histórias de Cinema Purgatório

Cinema Purgatório é uma excelente pedida para os fãs de terror porque consegue trazer histórias diferentes e criativas que fogem do lugar comum ao terem continuação. Espere uma antologia que vai fazer mais do que te entregar um plot twist no final das histórias. A seleção de bons roteiristas e desenhistas faz com que a edição mantenha um nível elevado em quase todas as suas tramas. Apesar de não trazer nenhuma revolução para o gênero, a HQ entrega com consistência tramas interessantes e inteligentes. Se você curte boas histórias de terror, dê uma chance a Cinema Purgatório!

Conheça outras boas obras de terror lendo nossas matérias sobre Gideon Falls de Jeff Lemire, Terror em Combate e 7 Filmes de Terror com Sósias!

Compre Cinema Pugatório com desconto clicando nas imagens abaixo 😉

 

Conheça a Antologia “Cinema Purgatório” 4

Conheça a Antologia “Cinema Purgatório” 5

 


Créditos:

Texto: Lucas Souza
Imagens: Reprodução
Edição: Alexandre Baptista

Publicado originalmente em 23 de janeiro de 2019 e atualizado em 19 de maio de 2020

Compre pelo nosso link da Amazon e ajude o UB!