Ultimato do Bacon

Viajante de Cinza de Breccia e Trillo – O Ultimato

Em 23 de Ago de 2021 3 minutos de leitura
Viajante de Cinza de Breccia e Trillo - O Ultimato (1)

O poder da imaginação é explorado ao extremo nessa magnética HQ! Viajante de Cinza de Carlos Trillo e Alberto Breccia mostra a realidade de um presidiário que só possui os poderes de sua própria imaginação para fugir da loucura.

Viajante de Cinza de Breccia e Trillo, Viajero de Gris no original, é uma HQ argentina originalmente publicada entre 1978 e 1980 que traz as aventuras do prisioneiro Cornelius Dark. A obra foi trazida para o Brasil pela editora Comix Zone e reúne todas as aventuras de Cornelius. A obra possui capa dura e 96 páginas.

Dica para o leitor: Breccia produziu e desenhou, ao lado do autor XXX, a HQ Mort Cinder – feita após Viajante de Cinza. É bem interessante ler as duas obras para efeito de comparação, já que as duas tratam de temáticas similares.

Essas similaridades são muito bem exploradas no prefácio feito por Jaime Rodríguez para a HQ da Comic Zone. Minha sugestão é que você só leia o texto de Rodríguez após ler as duas obras, fica mais fácil de formar opinião e comparar com os pertinentes apontamentos feitos por ele.

Viajante de Cinza de Breccia e Trillo - O Ultimato (1)

Viajante de Cinza de Carlos Trillo e Alberto Breccia fala sobre o isolamento carcerário e sobre como manter a sanidade

A Trama de Viajante de Cinza de Carlos Trillo e Alberto Breccia

Cornelius Dark é um prisioneiro que já tentou fugir diversas vezes. A obra não explora qual foi seu crime mas deixa claro que é possível que ele seja inocente. O personagem sofre com os isolamentos em solitária que ocorrem por conta de suas tentativas falhas de fuga. Os outros presos dizem que ele está “desesperado” pela liberdade.

A insanidade bate à porta de Cornelius que recorre a técnicas absorvidas de um antigo livro. O ensinamento? Fugir da realidade através da imaginação. Nesse caso existe uma ambiguidade que permeia toda a obra: estaria o personagem principal escapando no sentido figurado da palavra (aqui podemos dizer que é um “escapismo literário”) ou ele realmente aprendeu uma técnica que permite a ele viajar no tempo e no espaço?

O mais interessante é que conforme a obra avança vemos que talvez a diferença não seja realmente relevante e sim a sensação de saciedade que o fato gera..

Viajante de Cinza de Breccia e Trillo - O Ultimato (1)

Cornelius Dark viaja no tempo e no espaço na obra Viajante de Cinza de Breccia e Trillo

A história de Cornelius é dividida em 6 capítulos. Em cada um dos capítulos o personagem se depara com um momento histórico diferente. Breccia e Trillo acertam ao escolher passagens históricas sem nenhuma similaridade entre si – temos a Revolução Francesa mas também temos o combate de Wan Tai contra os Mongóis.

Cada um dos contos tem uma espécie de “moral da história” diferente. O recurso acaba encaixando muito bem com a proposta  e acontece quase que de forma natural.

Se a obra de Breccia e Trillo tem algum defeito é, na minha visão, não desenvolver mais a figura de Cornelius. Sabemos nada sobre o protagonista e ele acaba sendo muito mais um recurso para explorar ideias diferentes (necessidade da guerra, escapismo literário, desonestidade no amor e nos negócios e etc.) do que um protagonista que evolui com o passar dos contos.

Pessoalmente, gostaria de saber mais sobre o personagem que parece tão justo e honrado mas se encontra na cadeia (em tese, local para pessoas com comportamento oposto em algum ponto da vida).

Viajante de Cinza de Breccia e Trillo - O Ultimato (1)

A bela arte de Alberto Breccia é um dos grandes atrativos da HQ argentina Viajante de Cinza

Viajante de Cinza de Breccia e Trillo é uma HQ de leitura rápida e é um ótimo material para quem não conhece o trabalho de Alberto Breccia. A aparente simplicidade do roteiro esconde lições de moral valiosas e deixa o leitor procurando evidências das viagens de Dark: estaria ele delirando ou não?

E no fim, pensando que ele sempre retorna a cadeia, será que existe mesmo alguma diferença? Uma obra simples e autocontida que impressiona pela linda arte!

Quer conhecer outras HQ´s com a mesma pegada? Confira nosso review de O Eternauta 1969 e El Sueñero.

Ultimato do Bacon

Avaliação: Ótimo!

Compre Viajante de Cinza clicando na capa abaixo! 

Viajante de Cinza Comprar

Quer debater sobre quadrinhos, livros, filmes e muito mais? Venha conhecer nosso grupo no Whatsapp clicando aqui!!!


Créditos:
Texto: Lucas Souza 
Imagens: Reprodução
Edição: Diego Brisse
Compre pelo nosso link da Amazon e ajude o UB!


Quer debater Quadrinhos, Livros e muito mais?

Conheça nosso grupo no WhatsApp!

Quero participar

Notícias relacionadas

Nós usamos cookies para garantir que sua experiência em nosso site seja a melhor possível. Ao navegar em nosso site você concorda com a nossa política de privacidade.

OKPolítica de privacidade