The Perfection é um filme bem diferente, que pode agradar a muitos, mas a grande maioria pode ficar indignado ao final do filme, graças em especial às suas camadas e plots, que resultam em mudanças drásticas de estilo.

 

The Perfection (Netflix)

.

THE PERFECTION DICAS DE STREAMING

 

A experiência do expectador com o filme é muito peculiar, até mesmo incomum. Na trama Charlotte (Allison Williams) foi uma violoncelista prodígio que teve que desistir de sua promissora carreira para cuidar da mãe doente. Dez anos depois, ela reencontra seu antigo mentor (Steven Weber) e sua nova pupila Elizabeth (Logan Browning), mas cada um deles tem suas próprias intenções.

O filme é escrito e dirigido por Richard Shepard, que faz um trabalho primoroso ao manipular as emoções, boas e péssimas, do expectador. Se tem um sentimento que está presente em todas as camadas de The Perfection é a aflição. Desde os primeiros minutos o clima de aflição me prendeu, graças aos pequenos detalhes narrativos que são uma preciosidade nesse filme.

 

THE PERFECTION DICAS DE STREAMING

Momentos de angústia são ponto chave na narrativa louca do filme The Perfection 

 

A maneira como somos enganados é um ponto chave para a experiência, porque conforme o filme se desenrola e os plot twists vão surgindo, somos absorvidos pela espiral de loucura que o filme propõe ao expectador participar.

Um ponto muito interessante é a divisão em capítulos do filme, algo que a princípio me irritou profundamente por lembrar um certo diretor dinamarquês comumente taxado como gênio, mas que para mim é um palhaço metido a besta. Essa divisão em capítulos aqui faz o filme transitar por estilos bem diferentes, que vão do drama ao terror quase trash (e meio nonsense).

O trabalho de atuação das atrizes Allison Williams e Logan Browning é impecável. Williams já havia demonstrado seu talento para filmes nesse estilo em Corra (Get Out!, 2017). Aqui a atriz mantém uma atuação semelhante, que casa perfeitamente com o filme. É interessante reparar no olhar da personagem Charlotte. Browning não fica pra traz e entrega nos momentos de surto uma atuação excelente, que deixa o expectador angustiado, tenso.

 

THE PERFECTION DICAS DE STREAMING

A atuação de Allison Williams como a personagem Charlotte é um dos grandes destaques em The Perfection

 

Apesar de pesar muito a mão em um estilo mais próximo do terror psicológico, The Perfection brinca com o expectador ao sugerir momentos “sobrenaturais” também. O filme entrega de forma intencional um festival de loucura, não uma loucura caricata como no filme Velvet Buzzsaw, mas algo com uma linha narrativa central muito mais precisa e crível do que obras de arte assassinas (confira nossa matéria sobre Velvet Buzzsaw). O fio central que amarra todos os plots do filme é bem sério e funciona como uma critica direta à determinados membros da classe artística. 

 

THE PERFECTION DICAS DE STREAMING

Logan Browning também tem uma excelente atuação como a personagem Elizabeth em The Perfection

 

The Perfection é um filme para poucos, não por ser inteligente demais ou hipster, mas por ser intenso e ter um estilo narrativo que pode tirar muitas pessoas da trama principal. Os diversos plots e estilos que são divididos de forma inteligente em capítulos (algo que um certo dinamarquês deveria aprender) tornam a experiência de assistir o filme uma loucura bem peculiar. Ao final ficamos com aquela cara meio de “o que foi que eu acabei de ver e porque?”.

Altamente recomendado para quem curte um filme diferente.

 

The Perfection está na Netflix!

 

E você, já assistiu The Perfection? Nos conte em nossas redes sociais e não deixe de conferir nossas outras Dicas de Streaming clicando aqui! Fique ligado no Ultimato do Bacon! 

.
 

Créditos:
Texto: Diego Brisse
Imagens: Reprodução
Edição: Diego Brisse

Compre pelo nosso link da Amazon e ajude o UB!