Ultimato do Bacon

O Último Fantasma de Scott Beatty e Eduardo Ferigato – O Ultimato

Em 10 de Jul de 2023 4 minutos de leitura

Em um futuro não muito distante do nosso, a lenda do Espírito-Que-Anda está ameaçada. O filho responsável por dar continuidade às “atividades da família” resolve fazer o bem de uma forma mais moderna – através de empresas, fundos e festas beneficentes. A pergunta é: durante quanto tempo um homem pode fugir de seu destino? Essa é a premissa básica da empolgante HQ O Último Fantasma de Scott Beatty e Eduardo Ferigato lançada pela Dynamite nos EUA entre 2010 e 2011.

A obra contou com belas capas de Alex Ross e as histórias apresentavam uma modernidade e um ritmo empolgantes. Infelizmente a série não foi longeva: foi interrompida após 12 números e um anual. O brasileiro Eduardo Ferigato ilustrou todas as edições, exceto o anual que ficou a cargo de Johnny Desjardins. A obra chegou completa ao Brasil em duas edições capa dura da Mythos: “O Último Fantasma a Jornada do Espírito Que Anda” (2014) e “O Último Fantasma A Lei da Selva” (2016).

Dica para o leitor: Se você busca histórias mais modernas e atuais do Fantasma, o trabalho de Scott Beatty e Eduardo Ferigato é uma ótima pedida! Infelizmente a HQ termina com questões em aberto, mas isso não tira o mérito da obra que consegue manter o espírito do personagem e modernizá-lo de forma bem interessante.

O Último Fantasma de Scott Beatty e Eduardo Ferigato - O Ultimato (1)

As lindas capas de Alex Ross para a série O Último Fantasma de Scott Beatty e Eduardo Ferigato são lindíssimas!

A Trama da HQ O Último Fantasma de Scott Beatty e Eduardo Ferigato

O último homem a assumir o manto do Fantasma está morto e seu filho não pretende seguir a tradição do pai. Apesar de buscar sempre fazer o bem, Kitridge Walker optou por um caminho diferente: saem de cena a máscara e o collant e entram o terno, os investimentos e as festas beneficentes. O herdeiro do Espírito-Que-Anda se adapta a um novo mundo e usa seus caminhos para ajudar Bengala e seu povo.

Infelizmente para Kit, nem tudo são flores. O personagem, que é casado e tem um filho, logo descobre que em sua empresa habitam pessoas ruins que são capazes de tudo para tomar o poder. São justamente as ações dessas pessoas (sem spoilers!) que obrigam o personagem a repensar seu caminho. Tragédia e dor moldam o começo do novo Fantasma (o 22º a vestir o manto do herói)!

O Último Fantasma de Scott Beatty e Eduardo Ferigato - O Ultimato (4)

Os ensinamentos do 21º Fantasma são mostrados na HQ O Último Fantasma de Scott Beatty e Eduardo Ferigato

Após ter sua vida “virada de cabeça para baixo”, Kit Walker assume o manto do Fantasma e durante suas missões – sendo a primeira uma missão de vingança contra os que tomaram sua antiga vida, ele se lembra do treinamento e dos ensinamentos do seu pai (o 21º Fantasma).

Esse recurso é interessante pois acaba nos ajudando a perceber mais do intenso treinamento ao qual os Espíritos-Que-Andam são submetidos.

Infelizmente, os vilões que se apresentam na trama de Scott Beatty são bem caricatos e pouco marcantes. Parece que o desenvolvimento de verdade ficou guardado para o nosso protagonista.

Isso não chega a ser um grande problema mas confesso que não senti em nenhum momento que o herói enfrentava um perigo realmente capaz de matá-lo – mesmo que esse perigo tenha afetado muito sua vida.

Se os vilões deixam a desejar, o mesmo não pode ser dito do ritmo narrativo e do desenvolvimento do protagonista. A narrativa é ágil e está sempre em movimento. O autor consegue dosar bem os momentos de ação frenética com momentos mais reflexivos (ligados ao antigo Fantasma ou a família) e explicativos (os novos gadgets do herói são muito interessantes).

O novo Fantasma experimenta recursos modernos na HQ de Scott Beatty e Eduardo Ferigato

É impossível não falar da jornada e da criação desse novo Fantasma. Em alguns momentos senti que faltou carga dramática relacionada às perdas que ele sofreu. Me parece que essa foi uma escolha do autor para dar um tom realmente mais aventuresco para a história.

Funciona bem e é possível, mesmo que em escala menor, entender o que o personagem está passando e suas escolhas. A relação com seu pai é muito bem explorada e rende excelentes flashbacks! O herói exala determinação e habilidade com uma imponência digna do Espírito-Que-Anda.

Eduardo Ferigato (Quad, MSP Piteco) dá um show na arte. Seu desenho é fluído e vemos o Fantasma em muitas situações heróicas no decorrer da narrativa – situações essas que ficam simplesmente lindas no traço do artista.

Ele conseguiu mesclar bem o visual clássico com elementos novos e modernos – a malha roxa, por exemplo, ganha uma função bem definida e um visual mais “complexo” e menos liso. Em termos de design, funciona! As cores de Vinícius Andrade também são muito competentes e conseguem passar aquele clima de comics que a narrativa pede!

Momentos de tensão são bem retratados na HQ O Último Fantasma de Scott Beatty e Eduardo Ferigato

A HQ O Último Fantasma de Scott Beatty e Eduardo Ferigato não é particularmente ousada nem inovadora. O grande mérito é conseguir trazer uma narrativa interessante e moderna do Espírito-Que-Anda. O clima aventuresco domina a obra (por mais que ela tenha uma cota alta de tragédias) e a leitura flui muito bem.

O novo Fantasma é um protagonista interessante que agrega as grandes habilidades de seus antecessores enquanto mostra que tem características únicas. Infelizmente a HQ não consegue entregar vilões realmente ameaçadores e marcantes e o final é uma decepção: a Dynamite interrompeu a publicação da obra e deixou um baita gancho para a próxima edição que nunca foi lançada.

Felizmente, todo o arco inicial do personagem já havia sido desenvolvido e por isso mesmo digo que nem o final “aberto” é capaz de estragar a experiência. Eventualmente falamos em apresentar o Fantasma para novos leitores e por mais que eu adore as histórias clássicas, elas provavelmente não são muito atrativas para as novas gerações.

A HQ O Último Fantasma de Scott Beatty e Eduardo Ferigato se une a O Fantasma O Espírito de Nat Turner de Claes Reimerthi e Kari Leppänen como duas ótimas histórias do herói lançadas no Brasil e ideais para novos leitores!

Quer conhecer outras histórias do Fantasma? Confira nossos reviews: 

O Fantasma por Jim Aparo (1969-1970) 

Fantasma: Os Piratas Singh (1936)

Fantasma: A Saga Piratas do Céu (1936)

O Fantasma O Tesouro do Fantasma de Lee Falk e Ray Moore (1941)

Avaliação: Bom!

Compre O Último Fantasma de Scott Beatty e Eduardo Ferigato Clicando nas Capas Abaixo:

O Último Fantasma de Scott Beatty e Eduardo Ferigato Comprar 1

O Último Fantasma de Scott Beatty e Eduardo Ferigato Comprar 2


Créditos:
Texto: Lucas Souza
Imagens: Reprodução
Edição: Diego Brisse
Compre pelo nosso link da Amazon e ajude o UB!

Ultimato do Bacon YouTube

 


 

Quer debater Quadrinhos, Livros e muito mais?

Conheça nosso grupo no WhatsApp!

Quero participar

Notícias relacionadas

As melhores obras do mestre do horror – Junji Ito

30 de Dez de 2020

Nós usamos cookies para garantir que sua experiência em nosso site seja a melhor possível. Ao navegar em nosso site você concorda com a nossa política de privacidade.

OKPolítica de privacidade