Ultimato do Bacon

O Esquadrão Suicida de Robbie Thompson – O Ultimato

Em 10 de Nov de 2022 3 minutos de leitura
O Esquadrão Suicida de Robbie Thompson - O Ultimato (3)

Prepare-se para ver uma Amanda Waller bem diferente da que você está habituado. O Multiverso voltou com tudo e agora todos sabem que ele existe. O Esquadrão Suicida de Robbie Thompson mostra uma equipe extremamente engajada com as outras Terras com uma fileira impressionante de participantes: Pacificador, Garra e até o Superboy são comandados por Waller, que parece ter perdido completamente a noção do certo e errado – sendo caçada até pelo governo dos EUA!

O Esquadrão Suicida de Robbie Thompson foi uma série lançada originalmente em 2021 nos EUA – o autor é substituído depois pelo roteirista Dennis Hopeless (a edição #13 é uma espécie de transição e na #14 já temos o novo autor da série comandando o time).

A fase foi lançada no Brasil pela Panini Comics em 2022 nas edições “Esquadrão Suicida” #1 e #2. Vale dizer que a série possui ligações com “Academia dos Jovens Titãs” e com o crossover “Guerra Pela Terra 3” (que é o estopim final da narrativa da série).

Dica para o leitor: Se você é fã do Esquadrão Suicida, não deixe de conferir nossos reviews das HQs Esquadrão Suicida de Tom Taylor e Esquadrão Suicida Provação por Fogo de John Ostrander

O Esquadrão Suicida de Robbie Thompson - O Ultimato (3)

Sanguinário é um dos integrantes do grupo de Waller na HQ O Esquadrão Suicida de Robbie Thompson

A trama de O Esquadrão Suicida de Robbie Thompson

Amanda Waller parece mais surtada do que nunca. A personagem, que sempre apresentou ações que habitavam mais em um “terreno cinza” do que no terreno dos vilões e heróis, parece ter finalmente perdido a cabeça.

Vemos a comandante do Esquadrão Suicida ser renegada pelos EUA e virar uma fugitiva. Seu objetivo não é 100% claro, mas ela está obcecada com a Terra-3 – lar do Sindicato do Crime.

Rick Flagg é colocado de lado por não concordar com a nova abordagem de Waller e vemos o Pacificador passar a ser o comandante da equipe. Alguns personagens marcantes como Garra e o Sanguinário aparecem na HQ mas o mais surpreendente é a participação do Superboy no time.

O personagem, que parece meio “perdido” e protagoniza um dos mistérios mais interessantes da narrativa proposta por Robbie Thompson.

O Esquadrão Suicida de Robbie Thompson - O Ultimato (4)

Garra é obrigado a entrar na equipe de vilões na HQ O Esquadrão Suicida de Robbie Thompson

Como toda boa história do Esquadrão Suicida, a ação não pode faltar! As missões do time vão se tornando cada vez mais violentas com o avançar das tramas e temos o Esquadrão atuando em diversos locais diferentes: Arkham, espaço sideral, Terra-3 e até no Limbo! Todas essas “aventuras” são recheadas de mortes de vilões e decisões de campo questionáveis.

Robbie Thompson também não deixa a parte investigativa e de espionagem de lado e temos diversos plots twists que fazem com que nosso entendimento de algumas situações da HQ mude. Em dado ponto da trama temos até um confronto entre versões do Esquadrão.

Na minha visão, a narrativa tem apenas um defeito: apesar de se fechar no fim da edição, ela acaba deixando muitas pontas soltas que só vão se resolver no crossover “Guerra Pela Terra 3”. Os motivos das ações de Waller e sua mudança de atitude, por exemplo, não são explorados nesta série e isso pode ser frustrante para os leitores que acabam sendo obrigados a comprar o tal crossover. Isso não invalida a leitura mas deixa um gostinho “amargo” no final.

O Esquadrão Suicida de Robbie Thompson - O Ultimato (1)

Um Pacificador extremamente violento dá as caras na HQ O Esquadrão Suicida de Robbie Thompson

Além da questão do final, devo dizer que a entrada do personagem Besouro Bisonho no time também não me agradou. Ele atua como uma espécie de “Deadpool” – sempre com quebra da quarta parede e piadinhas em excesso. Talvez agrade alguns fãs o estilo mais “divertido” do personagem,  mas confesso que esse não foi meu caso.

No fim das contas a HQ O Esquadrão Suicida de Robbie Thompson é mais uma boa leitura do time de vilões da DC Comics. O autor entrega tudo que se espera de aventuras do Esquadrão e aproveita para usar a abusar da popularidade do Pacificador como chamariz para novos leitores.

Se você nunca leu nada do Esquadrão, essa série pode ser uma porta de entrada positiva que vai te levar a outras fases aclamadas como a de Tom Taylor e a clássica de John Ostrander.

Quer conferir mais HQs incríveis da Editora das Lendas? Conheça nossa lista de Melhores HQs da DC Comics

Avaliação: Bom!

Compre O Esquadrão Suicida de Robbie Thompson clicando na capa abaixo! .

O Esquadrão Suicida de Robbie Thompson Comprar


Créditos:
Texto: Lucas Souza
Imagens: Reprodução
Edição: Diego Brisse
Compre pelo nosso link da Amazon e ajude o UB!


Quer debater Quadrinhos, Livros e muito mais?

Conheça nosso grupo no WhatsApp!

Quero participar

Notícias relacionadas

Shazam de Tim Sheridan e Clayton Henry (1)

Shazam de Tim Sheridan e Clayton Henry – O Ultimato

2 de Dez de 2022

Nós usamos cookies para garantir que sua experiência em nosso site seja a melhor possível. Ao navegar em nosso site você concorda com a nossa política de privacidade.

OKPolítica de privacidade