Federação divulga carta aberta endereçada ao govenador de São Paulo, João Dória; demais estados em que os cinemas seguem funcionando deverão receber cartas similares

por Alexandre Baptista/Press release

 

Após a avalanche de adiamentos nas estreias de todo o tipo de filme – desde Mulan da Disney, Um Lugar Silencioso – Parte II (A Quiet Place: Part II) da Paramount e Velozes e Furiosos 9 (F9) da Universal ao nacional No Gogó do Paulinho – e ações simlares em relação às instituições de ensino, teatros, shows e concertos musicais, a Federação Nacional das Empresas Exibidoras Cinematográficas decidiu se adiantar a uma atitude que se fará inevitável em questão de alguns dias. Em carta aberta recém divulgada, a Feneec solicita ao governador do estado de São Paulo, João Dória, o fechamento das salas de cinema.

A ação facilita a execução do fechamento e contribui – até mesmo financeiramente – com as exibidoras que estariam sujeitas a multas e outras obrigações em relação aos shoppings centers e locais onde se encontram sem essa determinação.

A Feneec esclarece ainda que cartas similares serão divulgadas a governadores de outros estados onde tal atitude ainda não foi tomada.

Leia abaixo a carta na íntegra:

 

A Feneec (Federação Nacional das Empresas Exibidoras Cinematográficas) e o Sindicato das Empresas Cinematográficas do Estado de São Paulo vêm a público pedir ao governador de São Paulo, João Doria, que assuma o papel de fechar as salas de cinema de todo o estado, na forma da lei. As empresas exibidoras entendem que a grave situação colocada pela pandemia da Covid-19 é urgente e demanda uma resposta rápida que somente o Estado está habilitado a tomar. Infelizmente o fechamento das salas por iniciativa das empresas demandaria negociações com cada uma das empresas administradoras de cada shopping onde existe uma sala de cinema, o que seria penoso e lento. Os shoppings pertencem a diferentes grupos econômicos, com participação de investidores, fundos de previdência, fundações e outros, o que demandaria diversas instâncias de negociação, resultando num prazo para solução dos problemas que a saúde pública não tem. O bem estar dos espectadores de cinema e dos funcionários das empresas de cinema é hoje a nossa prioridade.

 

Fique ligado no Ultimato do Bacon para mais informações.

 


Acessem nossas redes sociais e nosso link de compras da amazon

Instagram 

Facebook

Amazon