Pokémon foi inicialmente concebido em 1989, por Satoshi Tajiri, baseado em um passatempo comum de sua infância: colecionar insetos.

O pontapé inicial da franquia foi o lançamento dos primeiros jogos da franquia para Game Boy em fevereiro 1996. A primeira geração era composta por 151 “monstros de bolso” e iniciou a tradição de lançamentos em pares com Red e Green. Posteriormente, com o lançamento do Game Boy Color, foi lançada uma versão remasterizada chamada de Pokémon Blue e pouco depois um novo jogo batizado de Yellow. A versão “Green” original nunca foi lançada fora do Japão. Desde então, cada geração apresenta uma nova região além de novos Pokémon, desde iniciais (Pokémon do tipo água, fogo e grama que o player escolhe para iniciar a sua jornada) até Pokémon lendários, sendo cada geração composta por dois jogos iniciais e pouco tempo depois uma versão melhorada, tradição que foi mudada na 5ª geração que contou com duas duplas de jogos com histórias diferentes, sendo que a sexta geração contou apenas com uma dupla de jogos e os remakes de jogos passados.

Cada uma das gerações acompanham a evolução dos consoles da Nintendo, permitindo diversas novidades a cada uma delas. Apesar das inovações gráficas e de gameplay, todos os jogos envolvem uma temática relativamente simples: o player assume o lugar de um treinador Pokémon iniciante que se aventura pela região em busca de completar sua pokedex (banco de dados dos Pokémon) ao mesmo tempo que treina um time de Pokémon para enfrentar os líderes de ginásio. Uma vez que tenha derrotado os oito líderes e obtido suas insígnias, o player pode então desafiar a elite quatro e o campeão vigente da liga Pokémon para se tornar o novo campeão regional. Paralelamente na história, o player também se vê envolvido com as equipes de vilões de cada geração que buscam encontrar os Pokémon lendários daquela região para realizar seus objetivos. Entre as funções secundárias, algumas das gerações contam com mini games para treinar Pokémon, competições de beleza e fabricação de muffins.

Entre as curiosidades encontradas nos games, podemos destacar que originalmente a mascote Pokémon seria uma Cleffairy, eventualmente optando-se pelo Pikachu. Outra curiosidade refere-se à criação de alguns Pokémon controversos: Muk, Weezing e mais recentemente Garbodor. Todos estes Pokémon e suas pré-evoluções são do tipo veneno e estão relacionados com poluição: da água, do ar e da terra respectivamente. Por último, caso você já tenha jogado os jogos, já se perguntou o porquê das estátuas de Rhydon em vários lugares? Trata-se de uma referência, uma vez que dentre todos os 151 Pokémon originais, ele foi o primeiro a ser criado.

Além da série principal capitaneada por cada uma das gerações, existem diversos outros jogos relacionados a franquia, sendo um dos mais recentes o Pokkén Tournament que coloca os monstrinhos um contra o outro no estilo Tekken.

Outro tipo de jogo envolvendo os Pokémon é o TCG (trading card game), lançado também em 1996. O jogo consiste um uma batalha Pokémon similar a dos consoles, com cartas representando cada um dos Pokémon, além de cartas de energia para carregar cada uma das habilidades, além de cartas de auxilio como itens de evolução ou poções de cura similares a dos jogos. Existem cerca de 70 sets diferentes lançados atualmente no Japão ou fora dele, sendo que a cada geração além dos novos Pokémon, também são reciclados alguns dos antigos para se adaptar as novas regras,

Com o sucesso dos jogos, não demorou para que outras formas de explorar a marca levassem a criação de um anime baseado nos jogos. Diferentemente dos jogos que contam com um protagonista diferente em cada geração (o player), o anime segue a história de Ash (Satoshi no original, uma homenagem ao criador dos jogos) que deixa a cidade de Pallet na região de Kanto com o objetivo de se tornar um mestre Pokémon. No Japão, o anime é dividido em séries relacionadas as gerações que estão sendo adaptadas. Além do anime principal que já conta com quase mil episódios, existem diversos especiais que contam a história dos personagens secundários, além do especial Origins que contou a história de Red (o protagonista do jogo original) e os especiais Generations que destacaram pontos de cada uma das gerações.

Além disso, a série conta com 20 filmes que ainda que contem com os protagonistas do anime, contam histórias separadas das temporadas principais. O vigésimo filme, lançado neste mês, celebra os 20 anos da série, servindo para recontar os primórdios do anime. Para marcar este momento, o filme foi exibido em caráter especial em alguns cinemas do Brasil.

Outra adaptação feita foi para mangás. Existem diversos mangás relacionados a Pokémon, entretanto, a série que pode ser considerada com a principal é a Pokémon Adventures. A série acompanha de maneira mais fiel a trama dos jogos, com os protagonistas sendo os próprios protagonistas dos jogos, sendo que o primeiro arco conta a história de Red, Blue e Green, com o próximo arco apresentando Yellow, e assim por diante. Além de seguir os jogos, a trama dos mangás é um pouco mais atrativa para um público um pouco mais velho, uma vez que aborda alguns temas de maneira mais direta. Lembram-se da teoria de porque o seu rival estava na torre de Lavender? Sim, temas como a morte dos Pokémon são abordados de maneira muito mais direta, além de apresentar os vilões de maneira bem menos caricata. Além destes, existe um mangá de comédia que acompanha Red junto com sua Cleffairy (lembram que este deveria ser o Pokémon mascote?).

No Brasil, o fenômeno Pokémon não passou despercebido, desde redes abertas de televisão exibindo o anime, também houveram diversas promoções como os tazos da Elma Chips e também as miniaturas da caçulinha. Atualmente, a Copag licencia os cards do TCG, também realizando diversos campeonatos e para quem se interessar, a Panini publicou os mangás de Black & White, e agora se voltou para a publicação de Pokémon Adventure, já tendo publicado por aqui o arco de Red, Blue e Green e se encaminhando para o final do arco Yellow.

Caso tenha se interessado, a Amazon tem em estoque os mangás.

Compre pelo link do Sobrecapa!