Mike S. Miller Queima Suposta Capa Original de Mike Wieringo

Por João Pedro maia

 

Mike Wieringo era um amado artista de quadrinhos que faleceu de uma condição cardíaca aos 44 anos em 2007. Deixou os pais e seu irmão Matt, e o prêmio Ringo foi nomeado em sua homenagem. Ele é mais conhecido pelo seu trabalho em “The Flash”, “Homem Aranha” e sua própria série, “Tellos”.

Há pouco mais de uma semana, Mike S. Miller tinha um plano para sua nova HQ, gerando desconforto no Twitter.

 

 

Mike S. Miller

“Então, eu tenho essa capa antiga do Homem Aranha pelo Mike Wieringo, e estou pensando em termina-la, mas transformar em uma capa para “Lonestar”. Ideias?”

Michael Lynch

“Você estaria autorizado a usa-la?”

Mike S. Miller

“Sim”

 

Estaria? Era um esboço de uma capa comprada e publicada pela Marvel… você pode ser o dono da arte, mas pode ter os direitos de publica-la? De qualquer forma…

 

 

Michael Lynch

“Acha que usa-la vai transformar em outro fiasco do tipo Darwyn Cooke? Eu amo Weiringo, mas você acha que algum ente querido iria causar uma cena sobre usa-la depois que os grupos de SJWs (social justice warriors) mentirem para eles a respeito do seu “grupo de ódio”? Voce sabe que vai acontecer. Eu aposto que eles já viram seu tweet e estão trabalhando nisso.

Mike S Miller

“Haha, é minha. Eu posso jogar no lixo se eu quiser. Se gerar controvérsia, melhor ainda.”

 

Afinal, controvérsia vende, aparentemente. E quanto mais melhor. Miller então preencheu o rascunho com seus próprios personagens e postou o resultado da capa

 

 

Mike S. Miller

“A ultima capa de Mike Weiringo original que vera imprensa!”

 

Claro, isso não pode ser considerada uma capa original de Mike Weiringo. Foi o co-criador de “Red” Cully Hamner que apontou isto.

 

 

Cully Hamner

“Isso é uma [email protected]#$ manipuladora, desonesta e egoísta mano. Se eu achasse que você fosse pelo menos capaz de se envergonhar, eu diria que você deveria se envergonhar disto. Indefensável. Você não tem direito de nomear a sua arte redesenhada de uma capa do Ringo.”

 

 

Cully Hamner

“Aparentemente você pegou esse esboço, redesenhou o bastante pra colocar seus personagens, colocou um péssimo fundo, e vai publicá-lo, vendendo como a ultima capa do Ringo a ser publicada. Eu sinceramente não tenho palavras. Bem isso não é verdade,  eu tenho muitas palavras.

 

Confira a capa original para a edição de "The Sensational Spider Man" número 8 de Mike Wieringo. Essa edição saiu no Brasil em A Teia do Aranha Nº 107 e no encadernado X-men – Massacre Nº 2. 

 

 

E a confusão continuou com Miller rebatendo Hamner

 

 

Mike S Miller

“É, o plano de fundo não é muito bom, os tijolos são muito grandes, eu acabei de perceber. O rascunho é do Mike, eu mudei os trajes. De outra forma ela não valeria nada. Sinto que você esteja bravo.”

 

Cully Hamner

“Hey, “mano”, enfie sua cortina de fumaça no c#. Mike não desenhou esse rascunho pra você ou para o seu quadrinho. Ele não desenhou esses personagens e ele não pode consentir você tentando vender sua [email protected]#$ fraca e fraudulenta como a “última capa do Ringo”. Isso é baixo mesmo para você”

 

Mike S Miller

“até para você”, eu não sabia que você tinha uma opinião tão baixo de mim Cully.”

 

Cully Hamner

“Percebeu agora, [email protected]#$”

 

Cully Hamner

“Você está usando o nome dele sem o consentimento dele ou da família pra ajudar a vender o seu quadrinho.”

 

Cully Hamner

"Mike Wieringo não tinha intenção e nem deu consentimento em 1996 para desenhar uma capa para o seu quadrinho e seus personagens em 2019. Essa capa é um rascunho de uma arte comissionada pela Marvel. Você sabe disso Mike Miller, você está nesse negócio há um bom tempo e você não é idiota”

 

Vários outros usuários também apontaram que inserir o nome de Wieringo nos rascunhos era uma falsificação da assinatura do autor.

 

 

Matthew Warlick

"Você falsificou a assinatura dele. Duas vezes"

 

Miller ainda rebateu assumindo que escreveu o nome dele, mas os usuários não aceitaram e continuaram rebatendo, marcando Matt Wieringo, irmão de Mike, nos tweets. 

A atitude de Miller incomodou bastante Mark Waid, que usou o Facebook para se pronunciar sobre o ocorrido e fez diversas postagens falando sobre o trabalho de Wieringo.

 

Mark Waid

“Novamente: Alguém falsificou a assinatura de meu falecido amigo para vender seu próprio trabalho"

 

No final, Miller aparentemente mudou de ideia.

 

 

Mike S Miller

“Você tem razão, Cully. Eu me arrependo. Eu não vou usar. Eu sei que você é um homem de boa consciência, e confio no seu julgamento do caso”

Cully Hamner

“Okay então. Se você estiver dizendo a verdade, então eu me retiro”

Mike S Miller

“Juramento de dedinho”

 

Foi então que o irmão de Mike, Matt Wieringo deixou tudo bem claro:

 

 

Matt Wieringo

“Senhor Miller, Mike não aprovaria isso. Nem eu. Como executor (do testamento), eu preciso solicitar que você remova a assinatura dele disso”

Mike S Miller

“Sem problemas Matt. Eu não faria isso sem a sua permissão”

 

 

Ainda assim a polêmica continuou, com Cully Hamner e outros usuários criticando a atitude de Miller que por fim liberou um vídeo em seu canal com a “solução final” para o problema: ele colocou fogo nos desenhos.

 

 

 

 

Acessem nossas redes sociais e nosso link de compras da amazon

Instagram 

Facebook

Amazon


 

 
Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *