Jujutsu Kaisen – Batalha de Feiticeiros, escrito por Gege Akutami e publicada desde março de 2018 está chegando as bancas pela Panini Mangás em agosto, mas será que vale a pena gastar seu suado dinheirinho?

 

 

Conheça Jujutsu Kaisen

.

A trama do mangá começa bem morna e as coisas acontecem até mesmo um pouco rápido. Yuji Itadori é um jovem colegial que tem habilidades físicas além do normal, mas prefere se unir ao grupo de pesquisa do oculto para poder “relaxar”.

Yuji não tem pais, dependendo apenas de seu avô que ao falecer lhe deixa duas mensagens “Com grandes poderes…” não, pera, errei. O avô de Yuji pede que ele ajude as pessoas e seja alguém popular, mas o garoto acaba interpretando isso a sua maneira.

 

Jujutsu Kaisen

 

É então que o caminho de Itadori cruza com Megumi Fushiguro, um xamã, que está procurando um amuleto amaldiçoado que estaria na escola de Yuji. É então que através de Fushiguro finalmente entendemos do que se trata o mangá.

A ameaça sobrenatural desta história são as maldições, poderosas catástrofes criadas por todos os sentimentos negativos da humanidade. Para enfrentar as maldições e exorciza-las, existem os xamãs. As maldições podem se tornar mais fortes ao consumirem itens mágicos ou em amuletos amaldiçoados selados.

Para salvar seus companheiros e Fushiguro, Itadori acaba consumindo o dedo amaldiçoado que acaba sendo uma das partes de Ryoumen Sukuna, o Rei das Maldições. Por ser muito poderosos, Sukuna não foi exorcizado, mas sim teve seus vinte dedos selados. O garoto então se torna receptáculo da maldição e alvo de maldições de alto nível e também atrai a desconfiança de outros xamãs.

 

Conheça os personagens de Jujutsu Kaisen

.

Yuji Itadori é um típico protagonista de mangá. Animado e sem muitas papas na língua, o garoto resolve seguir a sua versão das palavras finais do seu avô e seguir lutando para poder salvar o máximo de pessoas que conseguir.

 

Jujutsu Kaisen

 

Megumi Fushiguro é um xamã que já estuda a algum tempo na escola de magia, entretanto alguns personagens já notaram que seus poderes ainda têm muito o que se desenvolver.

Satoru Gojo é talvez o personagem mais interessante desde o primeiro momento. Professor da escola de magia, ele é dito com o xamã mais forte em atividade, ele faz um bom uso dessa posição para desafiar constantemente seus superiores na hierarquia, servindo aos seus próprios interesses.

 

Vale a pena ler Jujutsu Kaisen

.

Conforme eu já mencionei, o começo da história é bem morno, me lembrando um pouco Mob Psycho 100 (a vida na escola) e uma escola de exorcismo evoca Blue Exorcist), mas aos poucos os personagens, principalmente o protagonista começam a se tornar mais interessantes e menos caricatos. Sejamos justos, são poucas as histórias que te ganham nos primeiros capítulos.

A grande questão de Jujutsu Kaisen é uma que infelizmente eu já pontuei aqui com outras obras. Os tempos não são os mesmos onde só haviam Cavaleiros do Zodíaco e Dragon Ball nas bancas, ou quando as opções começaram a se tornar mais amplas, mas os preços ainda eram amigáveis.

 

Jujutsu Kaisen

 

A história atualmente conta com 11 volumes “encadernados”, e não sei se há previsão de um final. E a R$ 22,90 talvez seja melhor pensar um pouco antes de se envolver com esse compromisso.

Tudo bem, esqueçamos o preço, vamos falar da obra. Como eu disse o começo morno não afasta o leitor, e a história se torna mais aproveitável, porém, o protagonista e a trama não deixam de parecer genéricas em alguns momentos. Com diversos bons mangás por aí, e agora vários deles chegando por aqui, Yuji Itadori tem uma batalha muito mais difícil: a de se destacar entre Midoriya (My Hero Academia), Tanjiro (Demon Slayer) e Luffy (One Piece).

No fim, nos resta dizer que a história não é ruim, mas também não é memorável, ficando nesse eterno meio termo. 

.
Jujutsu Kaisen
Compre com desconto clicando na capa!
.
.
Jujutsu Kaisen – O Ultimato 1
.
Avaliação: Bom!

 


Créditos:
Texto: João Pedro Maia
Imagens: Reprodução
Edição: Diego Brisse

Compre pelo nosso link da Amazon e ajude o UB!