por Lucas Souza

 

Existem personagens que por conta da sua própria natureza são mais “simples” de serem escritos e isso não é nenhum demérito. Batman e Demolidor, dois personagens urbanos que podem se envolver em assaltos e assassinatos de rua, são personagens que apresentam de forma constante boas histórias e bons runs! Já o Justiceiro, que deveria seguir por uma linha similar, acaba sofrendo com o “excesso” de criatividade de alguns escritores. Vamos enumerar quatro fases/histórias bizarras que Frank Castle passou na sua trajetória. 

 

1- Justiceiro "Anjo"

 

4 Fases (MUITO) Bizarras do Justiceiro 1

Justiceiro a serviço dos Céus

 

Em 1998 decidiram que era hora de mudar o Justiceiro e dar a ele uma roupagem mais “diferente”. A mini-série “The Punisher: Purgatory”, idealizada por Christopher Golden, Tom Sniegosk, Bernie Wrightson, traz um Frank Castle que não aguentou a pressão da vida que levava e se matou. Ressuscitado pelo seu Anjo da Guarda (que se sentia culpado pelo ruma da vida do vigilante) ele retornou a Terra como um agente dos Céus que punia Anjos e Demônios. Armas brilhantes, imortalidade e outras bizarrices faziam parte do material que foi posteriormente ignorado.

Essa fase foi publicada no Brasil na revista Grandes Heróis Marvel nº 3 (2000). 

 

2- Justiceiro “Frankenstein” ou Franken Castle

 

4 Fases (MUITO) Bizarras do Justiceiro 2

Justiceiro Monstro: Acredite, é real!

 

Anos 2000. Estamos na fase da Marvel conhecida como Reinado Sombrio. Frank Castle está caçando de forma insistente Norman Osborn e sua trupe. Cansado dos aborrecimentos gerados pelo vigilante, Osborn envia Daken – o filho de Wolverine – para dar um fim ao Justiceiro. A luta termina com o vigilante fatiado pelas garras do vilão. Após ser levado para a Legião dos Monstros pelo Homem Coisa, ele renasce como Franken Castle e começa a caçar monstros ao lado da “equipe”. Ainda bem que isso só durou 11 edições e depois tudo voltou ao normal e nunca mais se falou sobre essa fase.

Essa fase foi publicada no Brasil nas revistas Universo Marvel 7 à 14 (2010/2011) e Wolverine 81 e 82 (2011). 

 

3- Justiceiro “Capitão América”

 

4 Fases (MUITO) Bizarras do Justiceiro 3

Frank Castle “honrando” o manto de Capitão América

 

Quem leu Guerra Civil sabe que a história termina mal para o Capitão América. E, é nessa época, que vemos que um dos mais afetados pelo infortúnio do Capitão é Frank Castle (que serviu ao exército e admirava muito o personagem). Em uma série de histórias na revista “Punisher War Jornal” ele se vê enfrentando Neo Nazistas e usa o uniforme do Capitão adaptado para enfrentar essas ameaças de forma, digamos.. poética. Pouco provável que o Capitão (averso a assassinatos) aprovasse a homenagem, certo?

Essa fase foi publicada no Brasil nas revistas Marvel Action 11 à 34 (2007/2009). 

 

4- Justiceiro “Máquina de Combate”

 

4 Fases (MUITO) Bizarras do Justiceiro 4

Fase Atual do Justiceiro na Marvel Legacy

 

Essa é da fase nova na “Marvel Legacy”. Nick Fury precisa de ajuda para resolver alguns problemas em um País pequeno em uma região distante. Os heróis tradicionais não servem (muito espalhafatosos). A coisa precisa ser discreta. É aí que ele decide “ajudar” o Justiceiro a roubar a armadura do Máquina de Combate para fazer o serviço que ele precisa que seja feito. Armado até os dentes, Frank Castle parte para realizar a missão que foi pedida como um “Homem de Ferro” hard core.

Essa fase foi publicada no Brasil na revista Justiceiro 8 (2018). 

 

No final, o Justiceiro é um personagem urbano e – normalmente – não rende boas histórias quando é tirado de seu ambiente base – as ruas. Esperamos que ele volte às raízes após a fase da “armadura” que vem passando e volte a render histórias mais alinhadas com a sua concepção. Lembra de alguma outra história ou fase bizarra do personagem? Compartilhe com a gente!

 

 

Acessem nossas redes sociais e nosso link de compras da amazon

Whatsapp

Instagram

Facebook

Amazon