Por Diego Brisse

Muita gente ficou revoltada com o final de Game of Thrones, com até mesmo alguns loucos fazendo petições online (muito efetivas né?!?!) para cancelar a oitava e última temporada. Mas não foi a primeira e nem a última vez que uma série decepcionou seus fãs. Eu costumo chamar isso de a maldição da segunda temporada, pois esse é o limite de temporadas que geralmente uma série consegue manter o alto nível. E as vezes nem isso!

Separei três séries que eram excelentes e se tornaram uma vergonha, com finais tão revoltantes quanto o de Game of Thrones! Vem comigo…

 

Chuck

 

3 Séries com Finais Tão Ruins Quanto Game of Thrones 1

 

Chuck foi uma série com um plot super atrativo, focando em um protagonista nerd a série colecionava referências ao universo geek e nerd. A trama gira em torno de Chuck Bartowski (interpretado por Zachary Levi, o Shazam), que após receber e abrir um email de seu antigo colega de faculdade Bryce Larkin, acaba com um super computador (ou neurocomputador) em seu cérebro chamado Intersect. Por ser a única cópia ativa do Intersect, dois agentes, Sarah Walker e John Casey, são enviados para recuperar o Intersect e acabam de babá de Chuck, que passa a ser usado em missões graças as informações contidas em seu cérebro.

As duas primeiras temporadas de Chuck são incríveis, Zachary Levi é um nerd perfeito, genial e atrapalhado. A química do trio Chuck, Sarah e Casey é impecável graças ao abismo de diferença na personalidade de cada um. Ao final da segunda temporada um plot twist prometia uma reviravolta incrível para a terceira temporada, porém o que tivemos foi uma sequencia bem mediana para o nível estabelecido na segunda temporada e o hype criado não foi nem de longe cumprido. Mesmo assim a terceira temporada foi aceitável, podendo ter seu encerramento digno. Mas os produtores queriam mais…

E assim os fãs foram torturados por um quarta e quinta temporadas bizarras, com reviravoltas forçadas, péssimas. Os caras conseguiram destruir os personagens a tal ponto que boa parte ficaram irreconhecíveis nos episódios finais da quinta temporada. Após cumprir diversas promessas de encerramento e desejos dos fãs, os produtores resolveram cagar tudo na quinta temporada! Da relação de Chuck e Sarah ao personagem Morgan Grimes (melhor amigo de Chuck), tudo foi inexplicavelmente “estragado”. Um final decepcionante para uma série com duas temporadas quase impecáveis. Recomendo assistir as três primeiras temporadas e fingir que a série foi cancelada. Evitem decepções!

 

Alias

 

3 Séries com Finais Tão Ruins Quanto Game of Thrones 2

 

Criada por J.J. Abrams, Alias foi uma série de cinco temporadas de espionagem protagonizada por Jennifer Garner e girava em torno de sua personagem, Sydney Bristow que foi recrutada por um departamento da CIA chamado SD-6, durante a faculdade. Mesmo sabendo que não deveria manter segredo sobre seu trabalho, ela acaba contando para seu noivo que acaba sendo assassinado logo após a revelação. Revoltada, Bristow tentando entender o que motivou o assassinato de seu noivo, descobre que na realidade trabalha para uma agência inimiga e resolve procurar a verdadeira CIA, se tornando assim uma agente dupla. A série constrói sua narrativa no clássico “não confie em ninguém”, o que constrói uma excelente narrativa. A personagem de Garner é forte e emotiva, o que traz um ótimo peso dramático.

As duas primeiras temporadas são muito boas, a espionagem, as cenas de ação, o desenvolvimento da relação entre os personagens são os pontos fortes. Sem contar no talento dos roteiristas para deixar ganchos cada vez mais fortes a cada episódio. O último episódio da segunda temporada deixa um gancho absurdo para a terceira, que prometia uma grande reviravolta. Mas adivinhem só… a terceira temporada foi fraquíssima! Os caras perderam a oportunidade de contar uma excelente história com o gancho do final da segunda temporada e fizeram um esforço gigantesco para cagar tudo!

Para piorar a trama da série entrou em um arco ocultista bizarro ao focar na busca pelos artefatos de Milo Rambaldi que já era algo até esperado e estabelecido, mas acabou exagerando e trazendo um festival de absurdos! As reviravoltas cada vez mais incoerentes passaram a irritar mais do que surpreender. O episódio final da série é uma vergonha inenarrável! Nem sei se vale a pena assistir algo da série, se eu pudesse voltar no tempo, me avisaria para passar longe e evitar a revolta.

 

Battlestar Galactica (2004)

 

3 Séries com Finais Tão Ruins Quanto Game of Thrones 3

 

Remake do seriado de 1978, Battlestar Galactica foi uma série de ficção científica de quatro temporadas que tratava de temáticas muito amplas em sua trama, desde filosofia à batalhas espaciais. E era lindo de ver! Na trama uma raça de androides criada pelos seres humanos para ajudar nas tarefas chamada Cylon, se rebela resultando em uma guerra. Após um acordo de paz entre humanos e Cylons, eles vão para outro mundo e é criada uma estação espacial aonde humanos e Cylons se encontrariam anualmente para tratar as questões diplomáticas, porém durante anos um representante humano foi enviado para o encontro e nenhum Cylon apareceu até que 40 anos depois tudo muda e os Cylons resolvem atacar os humanos e apenas algumas naves e um cruzador de combate restam com os sobreviventes.

A série desenvolve vários temas de forma muito inteligente, mesmo se tratando de uma ficção científica, o maior foco são as questões filosóficas e morais. Mas não para por aí, temos politica, religião, ação, questões raciais, sociais e muito drama psicológico. Os personagens principais da série são excelentes, em especial William Adama (Edward James Olmos) o imponente comandante da Galactica e Starbuck (Katee Sackhoff) uma das personagens femininas mais badass que já vi.

O problema começa no desenrolar da terceira temporada, aonde muitos temas começam a se repetir, tornando a narrativa um pouco cansativa. Muitas reviravoltas contradizem fatos anteriores, gerando certa indignação. O encerramento da série foi brochante, a busca dos sobreviventes por um novo lar se encerra de forma extremamente insatisfatória e incoerente. Sem contar que diversas questões foram ignoradas ou muito mal explicadas, deixando perguntas sem respostas ou pior, respostas ridículas. Apesar do final decepcionante, vale assistir toda, mesmo que ao final você fique com ódio mortal dos roteiristas. Aonde a série acertou ela acertou em cheio e aonde errou, errou com muita vontade! So say we all…

 

Essas foram três séries de muitas que acabaram mal. Quem sabe não fazemos uma outra lista com Heroes, Lost, Dexter, Fringe, Supernatural (essa nunca acaba), The Mentalist… acho que vai render muitas listas ainda.

 

E você, qual série te decepcionou? Diga nos comentários e fique ligado no Ultimato do Bacon!  

 

 


Acessem nossas redes sociais e nosso link de compras da amazon

Instagram 

Facebook

Amazon