Ultimato do Bacon

M-8 – Quando a Morte Socorre a Vida (2020) – O Ultimato

Em 2 de Dez de 2020 4 minutos de leitura
M-8 – Quando a Morte Socorre a Vida

Índice

M-8 – Quando a Morte Socorre a Vida é um filme pertinente e impressionante

Grande qualidade e relevância dos temas abordados fazem do filme de Jeferson De uma grande aposta

M-8 – Quando a Morte Socorre a Vida dirigido pelo cineasta Jeferson De, do premiado Bróder), conta a história de Maurício (Juan Paiva), um jovem negro, de periferia, calouro cotista da Universidade Federal de Medicina que logo em sua primeira aula de anatomia, é apresentado para M-8 (Raphael Logam), um corpo que servirá de objeto de estudo dele e dos amigos, mas que levará Maurício à inúmeros questionamentos que irão faze-lo enfrentar suas próprias angústias para desvendar a identidade do desconhecido.

Quando somos socialmente avaliados, normalmente se consideram alguns fatores que são marcadores sociais, tais como gênero, etnia, classe, religião, orientação sexual, geração, deficiências. Quando um jovem (geração) negro (etnia) de periferia (classe) e frequentador de terreiros (religião) se apresenta como protagonista da história, muito já se é dito sobre o mesmo, mesmo que nenhuma palavra tenha sido dita ainda.

.

M-8 – Quando a Morte Socorre a Vida – a trama

M-8 começa acompanhando Maurício em seu primeiro dia de aula, na Universidade Federal de Medicina, numa aula de anatomia. De cara, percebemos Maurício correndo, como se estivesse atrasado, mas logo entendemos que existe um motivo para isso – nada neste filme é gratuito.

Já em sala de aula, Maurício e seus companheiros de turma são apresentados a três corpos e seu grupo ficam com aquele identificado como M-8. De cara Maurício já percebe, como único negro de sua turma, que, como ele mesmo verbaliza mais pra frente, talvez ele tenha mais em comum com os corpos sobre a mesa, do que com seus colegas de classe.

Aliás, o filme escancara as diversas e inúmeras facetas do racismo estrutural, tão forte em nossa sociedade que acaba sendo replicado também por pessoas pretas, como é o caso do policial negro (Rocco Pitanga) que aborda Maurício de forma violenta e do porteiro negro desconfiado com Maurício entrando de carona num prédio da zona Sul.

O longa também pontua como o curso que Maurício está é elitizado, sua turma é composta por jovens brancos que tem histórico de médicos na família como se fosse algo comum e corriqueiro.

Ter alguém como Maurício no curso é tão incomum que ele acaba sendo confundido, por um colega de classe, com um funcionário da Faculdade mesmo estando com jaleco de aluno – embora, situações parecidas aconteçam o tempo todo em lojas, mesmo quando o negro não esteja utilizando roupa nenhuma que pareça um uniforme.

O abismo social entre ele e seus colegas é mostrado em diversas situações como a facilidade dos alunos brancos de irem e voltarem de carro, enquanto Maurício depende de transporte público (o que explica sua constante correria e atrasos).

.

M-8 – Quando a Morte Socorre a Vida – racismo estrutural

Numa emocionante cena do filme, após ter sofrido uma série de dolorosos casos de racismo, visivelmente abalado se questionando se aquele era mesmo o seu “lugar”, Maurício e sua mãe, dona Cida (Mariana Nunes), tem uma importante conversa, em que ela diz a frase que me faz ter arrepios na espinha toda vez que revejo: “cala a sua boca que eu sou uma mulher preta falando! Não me interrompa!”.

Cida é uma mulher preta, que criou seu filho sozinha, sem ajuda de parentes, que estudou para conseguir se formar auxiliar de enfermagem e agora consegue entregar para a sociedade um filho estudante de medicina.

.

M-8 – Quando a Morte Socorre a Vida – conclusão

Paralelo a isso, Maurício percebe que M-8 pode ser um dos tantos filhos pretos desaparecidos que as mães passam a vida querendo enterrar. “Você sabe do meu filho? Eu estou preparada para tudo!” diz Emília (Tatiana Tibúrcio), uma das ativistas de uma ONG que apoia outras mães com filhos desaparecidos, como a ONG Mães da Sé.

Maurício então começa uma jornada para descobrir de onde veio M-8 e vai fazer de tudo para tentar dar algum acalanto para o coração das mães que buscam por seus filhos. E é neste ponto que entra minha única crítica negativa para o filme. A solução encontrada, me pareceu muito pouco inteligente. Talvez a gente até releve decisões equivocadas quando se tratam de questões sentimentais. Entretanto, ficou uma sensação de “falta de planejamento”.

O elenco do filme é incrível, além dos já citados, destacamos Giulia Gayoso, que faz o interesse romântico do protagonista, uma jovem estudante branca de medicina que vem com histórico de médicos na família.

Destacamos ainda a incrível Zezé Motta, como Ilza, Ailton Graça e Alan Rocha como os funcionários da faculdade, Sá e Sinvaldo, respectivamente. Também temos aqui Léa Garcia, uma das divas da teledramaturgia e do cinema nacional, no papel de Dona Angela. E até Lázaro Ramos, fazendo um cameo como motorista da funerária.

Com um elenco de peso, roteiro amarrado e temática sempre pertinente, M-8 – Quando a Morte Socorre a Vida é um filme que impressiona pela qualidade e relevância.

 

Avaliação: Excelente

.

M-8 – Quando a Morte Socorre a Vida– Sinopse

Dirigido pelo cineasta Jeferson De (do premiado Bróder), é baseado no livro homônimo de Salomão Polakiewicz e conta a história de Maurício (Juan Paiva), um calouro da prestigiada Universidade Federal de Medicina, filho de Cida (Mariana Nunes), uma auxiliar de enfermagem, que dá duro para ver seu filho entrar pra faculdade . Em sua primeira aula de anatomia, Maurício é apresentado a M-8 (Raphael Logam), corpo que servirá para estudo dele e dos amigos durante o primeiro semestre. Em uma jornada permeada de mistério e realidade, Maurício enfrenta suas próprias angústias para desvendar a identidade desse rosto desconhecido.

Trailer:

 


Créditos:
Texto: Daniel Miranda@negrogeek
Edição: Alexandre Baptista
Imagens: Reprodução

Compre pelo nosso link da Amazon e ajude o UB!


Quer debater Quadrinhos, Livros e muito mais?

Conheça nosso grupo no WhatsApp!

Quero participar

Notícias relacionadas

Nós usamos cookies para garantir que sua experiência em nosso site seja a melhor possível. Ao navegar em nosso site você concorda com a nossa política de privacidade.

OKPolítica de privacidade