Por Lucas Souza

A Guará Entretenimento começou sua caminhada nas bancas brasileiras levando diversas opções de títulos nacionais para os leitores.  “Os Deviantes” é uma das opções que a editora traz nessa nova levada que tem ainda “O Santo”, “Pérola” e a famosa “O Doutrinador”.

“Os Desviantes” é a HQ com mais páginas dessa nova leva (não estamos contando “O Doutrinador” que reúne 3 HQ´s em um capa dura) e conta com Gabriel Wainer e Rafa Kraus no roteiro e Juliano Henrique nos desenhos. Mais uma vez vale destacar a cuidadosa produção da edição que apresenta uma qualidade impecável!

 

“Os Desviantes” é a HQ da Guará Entretenimento que mais abraça a fantasia

 

“Os Desviantes” chega com a proposta de ser a HQ mais voltada para fantasia da Guará – o que fica explícito no próprio prefácio da edição, escrito por Gabriel Wainer e Rafael Kraus. A HQ acompanha um mundo pós apocalíptico no qual a Guerra Nuclear acabou com boa parte da população mundial. Esse evento cria uma nova ordem mundial onde temos a dominante e militarizada Fortaleza – uma espécie de local para os ricos – e a frágil mas valente Resistência. É como se as diferenças sociais criassem essas duas facções – algo bem similar ao que vimos na série brasileira da Netflix “3%”.

A história acompanha o jovem Fióti que pertence a Resistência e mora no Rio de Janeiro. Mais uma vez é super bacana ver o autor explorando a geografia da nossa cidade e usando locais bem conhecidos como plano de fundo para a ação. Fióti se perde do seu irmão, um dos líderes da Resistência, após um acidente envolvendo o trem que deveria chegar ao Maracanã e é aqui que sua aventura começa de verdade.

 

Fióti é o grande protagonista de “Os Desviantes” da Guará Entretenimento

 

“Os Desviantes” engrena mesmo a partir do momento que Fióti se perde de seu irmão Caveira e conhece o garoto Tom – que tem sido vítima dos experimentos do pai desde que ficou paraplégico. A interação entre os dois garotos é interessante e ajuda a dar dinamismo na HQ que vinha tendo diálogos pouco interessantes. Antes do final da HQ ainda somos apresentados a índia Anita que salva Fióti de uma confusão na qual ele e Tom se meteram.

“Os Desviantes” abraça bem a fantasia e mostra, já na sua primeira edição, que pretende trilhar um caminho que vai mexer com magia e tecnologia. Se  Gabriel Wainer e Rafa Kraus conseguirem dar mais dinamismo a história, agora que não tem mais nada de contexto para explicar, as coisas podem ficar bem interessantes. Uma ideia diferente que vai agradar os amantes de mundos apocalípticos e fantasia!

Fique ligado no Ultimato do Bacon para mais notícias e reviews sobre HQ´s!

 

 


Acessem nossas redes sociais e nosso link de compras da amazon

Instagram 

Facebook

Amazon