A DC Comics sempre possui um lado bem desenvolvido no que diz respeito a iniciativas de espionagem governamentais. A Conspiração Janus foi uma saga que envolveu todas as agências governamentais da Editora das Lendas em uma trama que jogou uma contra as outras em um confronto que colocou em risco o planeta inteiro.

O que foi a Conspiração Janus

Conspiração Janus chegou ao Brasil em 1991 na revista Superalmanaque DC #2 da editora Abril. A publicação reuniu todas as partes da saga – exceto o epílogo que foi publicado em  Captain Atom #30) que foram originalmente publicadas nas revistas americanas Checkmate, Suicide Squad, ManHunter e FireStorm em 1989.

Conspiração Janus - Baú de HQs 1

Um cavalo do Xeque-Mate enfrenta o vilão Capitão Bumerangue em Conspiração Janus da DC Comics.

Na época que a saga, chamada originalmente de Janus Directive, foi publicada, a DC Comics contava com quatro grandes agências de espionagem: Projeto Átomo, Força da Liberdade, Esquadrão Suicida e Xeque-Mate – os dois últimos parte da Força-Tarefa X e teoricamente comandados por Amanda Waller.

Tudo começa com as agências se voltando umas contra as outras após o boato da Conspiração Janus se espalhar: os boatos diziam que uma das agências estava trabalhando para derrubar as outras. Isso dá início a uma corrida por informação onde cada agência move seus homens de campo para tentar capturar pessoas ligadas a outras agências. O que soa estranho desde o começo é a atitude de Waller – que parece menos prudente e cuidadosa do que normalmente é.

Conspiração Janus se desenrola sempre em ritmo frenético e o grupo de autores, formados por John Ostrander, Kim Yale, Paul Kupperberg, Cary Bates e Greg Weisman, não deixa a ação de lado por um minuto. Conforme a trama avança logo percebemos que tem algo errado com Waller, tendo em vista que nenhum operativo conseguia descobrir nenhuma informação sobre a tal conspiração. Obviamente isso não impede “quebra-paus” incríveis como o do Major Vitória com o Nuclear.

Conspiração Janus - Baú de HQs 2

As agências se unem em Conspiração Janus após descobrir o verdadeiro inimigo em saga da DC Comics.

Apesar de interessante Conspiração Janus se desenrola sem muitas surpresas e sem fugir da fórmula tradicional dos super-heróis: primeiro uma pancadaria por conta de mal entendido e depois todo mundo se unindo para poder derrotar o verdadeiro manipulador. A história segue o padrão mas faz isso de forma inteligente e o mistério envolvendo Waller e as agências da DC é realmente envolvente.

Os fãs de longa data da editora têm mais um motivo para ler a história. Ela é um verdadeiro desfile de personagens B esquecidos: Pacificador, Caçador, Tigre de Bronze, Conde Vertigo, Duquesa, Major Vitória e muitos outros! Isso também adiciona uma dinâmica interessante porque é impossível prever se um desses dispensáveis personagens vai encontrar seu fim durante a saga!

Conspiração Janus - Baú de HQs 3
Amanda Waller é uma das personagens centrais de Conspiração Janus da DC Comics.

O saldo de Conspiração Janus é positivo: a história é interessante e entender como essas agências governamentais e todos os egos envolvidos se relacionam também é muito divertido! Com muitas tendências ao exagero, a HQ é o típico produto do final dos anos 80 e início dos anos 90 – o que não torna ele menos divertido para aqueles que souberem adaptar sua leitura ao período.

Vale a pena por ser uma leitura leve e por trazer tantos personagens B juntos!

Fique ligado no Ultimato do Bacon para mais sobre HQs e não deixem de conhecer outros arcos memoráveis no nosso Baú de HQs!

 


Créditos:

Texto: Lucas Souza
Imagens: Reprodução
Edição: Alexandre Baptista
Texto publicado originalmente em 31 de março de 2020. Atualizado em 28 de maio de 2020.

Compre pelo nosso link da Amazon e ajude o UB!


Quer debater Quadrinhos, Livros e muito mais?

Conheça nosso grupo no WhatsApp!