Atômica – A Cidade Mais Fria
Ano: 2017 Editora: Darkside
Páginas: 176

Autor: Antony Johnston

Arte: Sam Hart

 

Sinopse: “Berlim, outubro de 1989. O muro que dividiu a Alemanha está prestes a cair, feito uma peça de dominó que acabará derrubando também a União Soviética e a impenetrável Cortina de Ferro. A Guerra Fria parece chegar ao fim, mas o assassinato de um agente secreto inglês do MI6 com informações inestimáveis — uma lista que contém os nomes de todos os espiões que atuam em Berlim — deixa claro que os dois lados ainda têm muito o que esconder, como até hoje.​”

Diego Brisse

Após assistir o ótimo filme Atômica, fiquei tão empolgado que não pude deixar de comprar a HQ que deu origem ao filme. Fui surpreendido de maneira positiva pelas diferenças entre os materiais, o que torna ambos genuínos.

O ritmo da HQ é bem menos acelerado que filme, aqui não temos quase nenhuma ação, afinal é uma história de espionagem durante a guerra fria. Esse ritmo mais lento pode incomodar muito quem não está acostumado, e de fato em muitos momentos a leitura é arrastada demais, cansando o leitor. Mesmo assim é uma hq rápida de ler, consegui ler de uma só vez em menos de uma hora.

Uma escolha interessante da editora foi não traduzir diversos trechos, sem contar os nomes técnicos das agências, cargos e expressões que eu provavelmente nunca tinha visto. Ao final temos um glossário, mas é bem estranho ter que recorrer à ele durante a leitura. Apesar de estranho, isso dá uma certa autenticidade e no decorrer da leitura você acaba se habituando.

A arte é bem simples, totalmente em preto e branco, casando perfeitamente com o tema. A edição é impecável, com papel, encadernação e capa de qualidade. A Darkside books está fazendo um ótimo trabalho trazendo para o mercado nacional materiais diferenciados, fugindo do eixo Marvel/DC e seus seguidores do gênero.

Com uma trama de espionagem bem feita e amarrada de maneira convincente, A Cidade Mais Fria é um material que pode causar estranheza pelo seu ritmo, mas que vale pra nos tirar um pouco da rotina de HQs de super heróis e afins. Mesmo não sendo uma obra prima, vale o investimento.  

 

Atômica - A Cidade Mais Fria - O Ultimato 1

Avaliação: Bom!