Supernatural: Scoobynatural (13ª Temporada, 16º Episódio)
Ano: 2018

Distribuição: Warner Bros

Produção: CW​

Estreia: 29 de Março(EUA), 10 de Abril (BR)​ Direção: Robert Singer​
Duração: 42 min/ep​ Elenco: Jared Padalecki, Jensen Ackles, Misha Collins

Sinopse: “CARAMBA! SAM, DEAN E CASTIEL VÃO PARAR NO MUNDO DE SCOOBY-DOO – Sam (Jared Padalecki), Dean (Jensen Ackles) e Castiel (Misha Collins) são transportados ao mundo animado de Scooby-Doo onde unem suas forças com a Scooby gang para solucionar um mistério fantasmagórico. ”​

 

Romulo Miranda

por Romulo Miranda

 

Sim, você não leu errado. A CW ainda continua a produzir e lançar novos episódios de Supernatural, e assim, já chegamos à décima terceira temporada. Claro que depois de tanto tempo, a qualidade e a idéia inicial já ficou para trás tem tempo, assim como a audiência (que contou com 5.69 milhões de espectadores em seu episódio piloto lá no distante setembro de 2005).

Obviamente hoje em dia a própria série não se leva mais a sério, e é justamente por isso que o crossover da aventura dos irmãos Winchester com a turma do Scooby-Doo funcionou tão bem, conseguindo chegar aos 2 milhões de espectadores nos EUA, algo que não acontecia há anos, se desconsiderarmos os primeiros episódios de temporadas.

O inusitado episódio se desprende totalmente da trama da atual temporada (que envolve universos paralelos, a mãe dos irmãos, Lúcifer e até o filho do Capiroto), podendo ser assistido e entendido por qualquer um que esteja apenas curioso, e investe pesado na fórmula da clássica animação do Dogue Alemão. Inclusive os Winchesters são transportados especificamente para o episódio “Uma Noite de Medo não Acaba Cedo”, que foi dirigido originalmente por Joseph Barbera e William Hanna, e é o 16º da primeira temporada de Scooby-Doo, lançado em 1969.

O episódio realmente diverte, cumprindo aquilo que se propõe, e consegue arrancar algumas boas risadas de quem assiste. Temos tudo que era de se esperar de um episódio cômico de Scooby-Doo, com a adição dos personagens, já caricatos de Supernatural, com direito a Dean dando em cima de Daphne e tudo. Para quem curte a nostalgia das animações dos 70/80, já acompanhou (ou acompanha) a série dos filhos de John Winchester e não leva a vida tão a sério é um prato cheio.​

 

 

Avaliação: Ótimo!